Venda de guitarras e violões volta a crescer no Brasil após anos de queda

COMPARTILHE
705

Quando uma pessoa decide entrar para o mundo musical, vários nomes de referência são descobertos em um curto período de tempo, e daí pra frente, começa a surgir admiração aos muitos ídolos e até ao instrumento escolhido para aprender.

A história é tão vasta que fica até difícil lembrar de todas as lendas da música. A classificação muda de acordo com os gostos, independente dos estilo musical preferido de cada um: música clássica, folk, rock, hard-rock ou funk, há sempre grandes guitarristas e violonistas que propagaram ou popularizaram tal movimento.

O tema não deixa de ser polêmico porque cada um tem os seus cantores ou estilos prediletos e as razões para decidir qual está no topo são extremamente diversas: para uns, considerar o lado técnico do guitarrista, para outros, é principalmente uma questão de emoção, de sensação transmitida pelas suas músicas.

Continua depois da publicidade

Independente disto, o mercado musical recebeu uma grata notícia: o aumento na venda de guitarras e violões após anos consecutivos de queda. Em 2017, a importação de instrumentos subiu apenas 2%, enquanto no ano passado voltou a fazer barulho. De acordo com a Associação Nacional da Indústria da Música, que levantou dados junto à Receita Federal, a importação cresceu 11,5%, movimentando mais de US$ 75 milhões (quase R$ 300 milhões).

Focada em trazer um serviço de excelência e qualidade para a região há 10 anos, a Caparaó Music oferece grande variedade de guitarras, baixos, baterias, microfones e ampla gama de acessórios, entre outros, para músicos e instrumentos.

Aproveitando o mercado em crescimento, a Caparaó Music preparou uma promoção para o mês de agosto em todas as guitarras Tagima. São modelos variados de stratocaster, les paul, telecaster, SG, entre outros estilos. Segundo o proprietário Vagner Luís Ferreira, a promoção vem para coroar os dez anos de sucesso do estabelecimento.

Proximidade com os músicos

A loja vai além do que as concorrentes oferecem e busca sempre uma proximidade com o músico do Caparaó. Como o caso do guaçuiense Geraldo Terra Nova, que por influência do seu pai já está no ramo da música há aproximadamente 40 anos. O músico e compositor conta que a parceria com a loja teve início logo que foi inaugurada e só tem a agradecer pelo serviço de maestria oferecido aos músicos.

“Essa parceria teve início quando a loja se instalou na nossa cidade proporcionando a toda região instrumentos de qualidade e abrindo as portas aos músicos da região. Só tenho a agradecer pela parceria de anos”, afirma Geraldo.

Outro aspecto que o músico retrata foi o serviço de facilitar o encontro de instrumentos de qualidade, pois antes era necessário procurar fora da região ou pela internet. “Este foi outro grande trunfo em minha vida profissional, agora encontro instrumentos de qualidade e não preciso em momento algum procurar fora de Guaçuí. Minhas guitarras e violões foram adquiridos na Caparaó Music”, explica Terra Nova.

O guitarrista Bruno Alves Garcia é outro músico que firmou parceria com a loja. O alegrense, que integra bandas que tocam desde o forró ao sertanejo, passando pelo reggae e rock n’ roll, começou a tocar em 2001 e hoje não imagina ficar fora dos palcos.

“Trabalho em várias bandas de estilos diferentes, sou integrante da banda Alldeia, sou músico e sócio administrador da banda Gelo Nove e sócio administrador da banda Ôceis. Por fim, trabalho também com uma banda de apoio chamada 4trosongs, na qual atendemos cantores de nosso Estado e fora do Estado como RJ e MG, banda que atende uma média de 29 diferentes cantores por ano”, afirma Bruno.

O músico comenta que a Caparaó Music é uma grande incentivadora das bandas da região, oferecendo material de qualidade e proporcionando parcerias que impulsionam o crescimento dos grupos musicais, principalmente os que estão ganhando mercado.

“A parceria é recíproca, pois a loja fornece equipamentos, encordoamentos e baquetas, e em contrapartida as bandas divulgam esses materiais oferecidos pela Caparaó Music. Essa é uma ótima forma de poder incentivar os músicos de nossa região. Tenho muito a agradecer ao Vagner e a Caparaó Music pela parceria”, finaliza o músico.

 

Publicidade