Patinho e Evandro Paiva, duas boas novidades em Itapemirim

COMPARTILHE
343

Encerrado o prazo para desincompatibilização e migração de partidos visando as eleições deste ano, o município de Itapemirim ganha duas boas novidades. De grupos políticos diferentes, tanto o vereador Patinho (DEM) quanto Evandro Paiva (PROS) são hoje pré-candidatos a deputado estadual e podem surpreender nas urnas, tornando-se opções a nomes tradicionais e já conhecidos da política litorânea.

Exercendo o mandato de vereador pela segunda vez, e com uma boa passagem pela Secretaria Municipal de Turismo, de onde se desincompatibilizou semana passada, Patinho (Leonardo Fraga) tem boas ligações com o grupo ferracista, mas ultimamente está próximo do prefeito interino Dr. Thiago (PSDB). Essa flexibilidade política e essa maneira equilibrada de agir na sua vida pública mostram a maturidade de um jovem de apenas 38 anos que pode ser beneficiado pelos votos dessas duas correntes.

Seria ilógico racionar que Patinho possa ter mais votos do que o seu colega de partido e atual deputado estadual Theodorico Ferraço, caso este tente se reeleger. Mas é plenamente possível acreditar que ele possa pegar uma carona nas urnas, beneficiando-se do prestígio ferracista e sendo por ele alçado a bons índices de votação. Somando a ajuda do colega demista ao seu potencial político, hoje em plena ascensão, não é difícil crer que o vereador tenha chances reais de chegar à Assembleia Legislativa.

Continua depois da publicidade

Diametralmente temos o Evandro Paiva, cujo simples fato de ter o apoio do primo Dr. Luciano Paiva (PROS) já faz dele um potencial e fortíssimo candidato. Dentista, nascido e criado na sua Itapemirim, com 37 anos, esse jovem tem nas veias o sangue político da família, tendo sido um dos principais articuladores das eleições do prefeito eleito e que hoje está afastado.

É claro que Evandro Paiva tem um grande desafio que é não contar apenas com o apoio do Dr. Luciano. Terá que, por conta própria, unir o grupo do primo em torno de si (a chamada família 90) e angariar outros apoios, uma vez que só Itapemirim não irá elegê-lo. Vai precisar capinar fora. Mas é preciso dizer que hoje ele trata-se do pré-candidato mais invejado do litoral Sul, porque tem ao seu lado um campeão de votos, eleito e reeleito robustamente pelo povo.

Essas duas pré-candidaturas, de Patinho e Evandro, farão bem ao povo de Itapemirim que terá opções locais, nomes genuinamente da terra, não precisando pegar emprestado candidatos de outras cidades. E, dependendo do tamanho que saírem das urnas, ambos podem se tornar elementos de peso desses grupos políticos para a sucessão de 2020.

**************************************************************************

“Na noite de São João / No terreiro, uma bacia / Que é pra ver se para o ano / Meu amor ainda me via / Leva eu, Minha sodade” – Leva Eu Sodade (Tito Guimarães/Neto/ Alventino Cavalcanti)

Publicidade