GENTILEZA

Gentileza a razão da humanidade Gentileza a razão da humanidade

COMPARTILHE
36

A gentileza (substantivo feminino) quer dizer sobre o comportamento de ser amável, gentil, bondoso entre tantas outras atitudes boas e honestas, e também nos diz sobre o respeito com o outro assim como a boa educação. A gentileza é uma forma de agir, um jeito particular de cada um pela forma de ver o mundo, a sociedade, a forma de agir com os outros e se preocupar em poder ajudar quem precisa. Gentileza vem de dentro, dá para aprender sim, mas digo que gentileza vai muito além do que somos ou construímos de nós mesmos.

Gentileza revela que é necessário viver bem com o outro, pois somos dependentes daquilo que o outro é, ninguém encerra um ciclo inteiro de sua vida sem ter que precisar de alguém para continuar vivendo. A gentileza está presente em pessoas de paz consigo mesmo, pessoas que sabem apreciar a vida e tudo ao seu redor, ser gentil não é ser uma pessoa boba que acha graça em tudo, e que consegue sorrir nos momentos difíceis. Quem consegue achar legal uma dor de cabeça ou quebrar uma perna?  Não dá! Mas a pessoa gentil consegue passar por isso tudo e muito mais sem prejudicar o ambiente em que está e nem prejudicar a si mesmo pois estamos expostos a isso. Uma pessoa gentil consegue cativar todos ao seu redor com a postura e a boa fala com o próximo.

Gentil, amável, educado entre tantas outras características a gentileza nos mostra que é possível ter personalidade e opinião própria sem ofender o outro, pois a forma que nos comunicamos com as pessoas mostra mais sobre nós do que quando convivemos meses ou anos com alguém que seja da família, empresa, matrimônio ou até mesmo as amizades duradouras que temos.

Continua depois da publicidade

Uma pessoa mal humorada consegue destruir todos ao seu redor, um chefe mal humorado, rabugento e ignorante, consegue atrasar uma empresa inteira pois ele mesmo consegue desmotivar todos que fazem parte dela. Um pai mal humorado ou uma mãe de família estressada consegue desandar a família inteira. A pessoa mal humorada não consegue dialogar direito sem ser grosseiro com alguém, cria inimizades, causa intrigas e muito mais. E é notável quando uma pessoa é gentil ou não. Até o olhar da pessoal gentil nos cativa. O sorriso cura até depressão, é comprovado que quem sorri muitas vezes ao dia consegue superar seus próprios limites. O sorriso te motiva a viver, a ter boa índole, a acreditar em dias melhores e o melhor é que faz com que as pessoas ao seu redor te retribua com sorrisos.

Não adianta ser graduado, ter diploma de doutorado, andar de terno e gravata ou muito bem vestido se você destratar o morador de rua ou qualquer pessoa que passe por você. Terço no pescoço ou bíblia debaixo do braço não é sinal de pessoa de boa índole ou de boa fé.

Gentileza é sorrir pra vida. Dizer: “bom dia” “por favor” “agradecido” (eu particularmente não uso a palavra “obrigado” pois não somos obrigado a nada) não atrasa a vida de ninguém, pelo contrário mostra a elegância que você tem com um doutor, com um vizinho ou até mesmo com o morador de rua, que mesmo na rua é ser humano como nós mesmos. Quem não se comove ao ver um desabrigado ou alguém precisando de ajuda, é porque ainda não descobriu a gentileza que existe dentro de cada um.

Ser gentil é saber respeitar o espaço do outro para que o outro respeite o seu. Tem espaço para todos nós aqui no mundo. Chique é ser gentil e educado, por que roupa bonita não prova caráter.  E lembrem-se mesmo que sejam grosseiros com você, continue sendo gentil. Isso mostra quem eles são, mas também diz quem você é.

Se vista de gentileza, saia por aí e veja que o mundo muda.

Publicidade