Política Regional

Pai do vice-governador, Ferraço declara oposição ao Governo na Ales

A decisão foi tomada após o Poder Executivo ter declarado apoio ao deputado Marcelo Santos (Podemos) para a Presidência da Casa

COMPARTILHE
837
Advertisement
Advertisement

As articulações para a escolha do presidente da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) têm causado desgaste entre o Poder Executivo estadual e os deputados que fazem parte da base de sustentação do governador Renato Casagrande (PSB) no Poder Legislativo.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Após o deputado Marcelo Santos (Podemos) surgir como o nome do Governo para as eleições da Presidência da Casa Legislativa, muitos deputados, que já tinham firmado compromisso com Vandinho Leite (PSDB), demonstraram insatisfação com a cúpula do Poder Executivo, entre eles, Theodorico Ferraço (Progressistas), pai do vice-governador, Ricardo Ferraço (PSDB).

“Nós assinamos um apoio sob a liderança do deputado Vandinho Leite. O Governo não tinha candidato. Agora surgiu um candidato e eles querem voltar atrás”, explicou o pai do vice-governador.

Ferida na Ales

Theodorico Ferraço ainda explicou que a decisão do Poder Executivo pode prejudicar a relação do governo com a sua base de sustentação na Ales.

Continua depois da publicidade

“Eu permaneço com o Vandinho. Estão abrindo uma ferida na Assembleia”, ressaltou o parlamentar.

Quando questionado sobre o fato de ser pai do vice-governador, o deputado destacou a sua independência nas decisões no que diz respeito ao processo político.

“Não tem nada a ver uma coisa com a outra, ele é vice-governador e eu sou deputado”, pontuou.

Advertisement
Advertisement
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.