Esporte Nacional

Manchester United faz três no Nottingham e fica perto da final da Copa da Liga

COMPARTILHE
83
Advertisement
Advertisement
Advertisement

O Manchester United se aproximou da vaga na final da Copa da Liga Inglesa ao vencer o Nottingham Forest por 3 a 0 nesta quarta-feira, no primeiro jogo da semifinal, disputado no estádio City Ground, casa do adversário. Um belo gol de Rashford abriu o caminho da vitória, que quase foi comprometida pelo ímpeto de reação dos mandantes, mas as chances criadas foram desperdiçadas. Então, o holandês Weghorst marcou pela primeira vez com a camisa do time de Old Trafford para ampliar e Bruno Fernandes fechou o placar.

Continua depois da publicidade

O jogo de volta está marcado para as 17 horas (de Brasília) da próxima quarta-feira, em Manchester, e o Nottingham precisa vencer por três gols de diferença para levar a decisão aos pênaltis. Para avançar direto, tem que construir uma vantagem de quatro gols. A outra semifinal teve o primeiro jogo disputado na terça, com vitória por 1 a 0 do Newcastle sobre o Southampton.

No duelo desta quarta, os ex-palmeirenses Danilo e Gustavo Scarpa, que ainda dão os primeiros passos no futebol europeu, ambos com a camisa do Nottingham Forest, encontraram em campo os compatriotas Casemiro e Antony, dois brasileiros com mais bagagem no velho continente e jogadores do United. O Nottingham também contava com o lateral-esquerdo Renan Lodi, outro que já está na Europa há mais tempo.

O time de Manchester foi intenso nos primeiros minutos e frustrou animados torcedores presentes no City Ground com um belo gol de Rashford ainda no primeiro tempo. O atacante inglês saiu correndo do campo de defesa, pela lateral esquerda, até se livrar de dois marcadores na entrada da área antes de se colocar cara a cara com o goleiro Hennessey e superá-lo com um toque no canto esquerdo.

Continua depois da publicidade

Depois do início impetuoso dos visitantes, o Nottingham conseguiu se reorganizar e mostrou ter condições de buscar o empate. Danilo, em seu primeiro jogo como titular após estrear entrando no segundo tempo contra o Bournemouth, deu sinais de adaptação rápida ao novo time e mostrou sua qualidade tanto na marcação quanto na construção de jogadas, com bastante personalidade.

Scarpa, por sua vez, apareceu um pouco menos, mas teve a chance de exibir um de seus principais fundamentos, o chute de fora da área, no momento em que ficou com a sobra após um escanteio e bateu sem deixar a bola cair. De Gea fez ótima defesa para evitar o golaço.

O time da casa teve mais oportunidades de empatar e só não alcançou o objetivo porque o atacante Brennan Johnson estava completamente descalibrado nas finalizações. Em um dos lances, deu um chute fraco na mão de De Gea quando podia ter soltado a bola para Danilo, que entrava livre dentro da área. Em outro, passou por dois defensores e concluiu a até então linda jogada com uma batida para bem longe do gol.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Depois das chances desperdiçadas pelos mandantes, o United celebrou, aos 45 minutos, seu segundo gol. O autor foi o holandês Weghorst, reforço anunciado há duas semanas que balançou a rede pela primeira vez com a camisa dos Diabos Vermelhos, aproveitando o rebote após uma bela finalização de Antony defendida por Hennessey.

O gol sofrido nos minutos finais da etapa inicial aplacou a disposição do Nottingham, que voltou para o segundo tempo sem a mesma capacidade de criação que chegou a demonstrar em momentos anteriores da partida. Sem confiança, produziu pouco e só levou perigo em uma bomba de Johnson que passou perto do travessão. O United dominou o meio de campo, principalmente após Danilo ser substituído por Steven Cooper, e teve o jogo sob controle, tanto que ampliou com Bruno Fernandes.

Estadao Conteudo
Copyright © 2023 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.