AutoAqui

Potência e beleza: qual o melhor custo benefício em carro esportivo de 500 cv ou mais?

COMPARTILHE
Mustang vermelho, um dos melhores carros esportivos
273
Advertisement
Advertisement

O veículo dos sonhos, para alguns, pode passar pelo chamado cavalo-vapor. Não é para menos. Essa é a medida de potência de um carro. E o nome não é uma metáfora, mas diz exatamente de onde saiu a comparação.

Advertisement
Continua depois da publicidade

O cavalo-vapor surgiu quando James Watt, considerado um dos pais da Revolução Industrial, quis mostrar qual era a força de suas máquinas a vapor. Ele usou, para isso, a comparação com a força de cavalos. Ou seja, quantos animais seriam necessários para substituir o trabalho das máquinas.

Agora, imagine um veículo de tração animal puxado por nada mais, nada menos, do que 500 cavalos. Essa é a proposta de alguns carros modernos. Mas qual deles escolher e o que levar em conta na hora da compra?

“Essa é uma pergunta difícil de responder pois além de englobar alguns fatores técnicos tem também o fator emocional. Por isso, irei responder de acordo com a minha opinião. Para mim, a melhor opção de compra levando em relação o custo e o benefício nessa categoria seria o Mustang. Inclusive temos algumas unidades disponíveis para venda em nossa loja”, pontua João Pedro Checon, proprietário da Autovix Motors, empresa especializada na venda de carros de luxo, esportivos e superesportivos, novos e seminovos.

Continua depois da publicidade

A escolha não é para menos, já que o Mustang é rei no meio automotivo. A história da montadora começou nos anos 1960, com veículos potentes e esportivos. Na época, a Chevrolet comemorava o sucesso do Corvette, carro que estava no topo do sucesso como o único carro esportivo norte-americano.

Foi então que Henry Ford II e Lee Laccoca, presidente da divisão Ford, pediram aos engenheiros que desenvolvessem um modelo com as características que os consumidores buscavam. E foi aí que nasceu essa lenda automotiva que une potência e beleza.

Conheça outros modelos

Mercedes-AMG GLC 63s – o GLC 63 S já chega aos 510 cv e 71,4 kgfm, sempre com o câmbio automático (que substitui o conversor de torque por uma embreagem) com nove marchas e sistema de tração 4Matic+, que distribui a força conforme a tocada do motorista, modo de condução selecionado e piso, com prioridade para o eixo traseiro. A Mercedes-AMG GLC 63s custa  R$ 587.900

Advertisement
Continua depois da publicidade

Porshe 911 Turbo S

O esportivo é equipado com motor 3.8 boxer de 6 cilindros e dois turbos. Ele entrega 650 cavalos, 70 cv a mais do que o modelo anterior e 81,6 kgfm, 5,1 kgfm mais do que o antecessor. Com isso, é capaz de fazer o 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chegar aos 200 km/h em 9 segundos. A velocidade máxima é de 330 km/h.

Porshe 911 Turbo S
Porshe 911 Turbo S

Chevrolet Corvette Z06

Este modelo apresenta um motor V8 de 5.5 litros baseado no motor usado atualmente na versão de corrida do modelo, o Corvette C8.R, com virabrequim plano, dois eixos de comando no cabeçote, naturalmente aspirado e pensado na experiência de pista. Com giros entre 8500 a 9.000 rpm, o motor poderá gerar algo próximo dos 600 cv e mais de 70 kgfm de torque com transmissão de dupla embreagem, tração traseira e um ronco muito semelhante aos de supercarros.

Advertisement
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.