Política Regional

Começa nesta quinta (27) campanha para prefeito de Ibitirama para mandato suplementar

COMPARTILHE
começa oficialmente, conforme calendário do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES), nesta quinta-feira (27), a campanha
380
Advertisement
Advertisement

Em meio ao segundo turno das eleições para Governador do Estado e Presidente da República, começa oficialmente, conforme calendário do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES), nesta quinta-feira (27), a campanha para eleição suplementar para prefeito de Ibitirama. Dois candidatos foram lançados para a disputa: o ex-prefeito Reginaldo Simão (PSB) e o atual prefeito interino Ailton Vein (PSDB).

Advertisement
Continua depois da publicidade

As eleições estão marcadas para acontecer no dia 27 de novembro, ou seja, serão 30 dias de campanha eleitoral. O vencedor assumirá a administração do município da região do Caparaó – onde está localizado o Pico da Bandeira – até o dia 31 de dezembro de 2024. As convenções que oficializaram as candidaturas aconteceram no último dia 22.

Ailton Vein está prefeito interino desde o dia 2 de maio. Como presidente da Câmara Municipal de Ibitirama, ele assumiu o município, depois da impugnação da candidatura e consequente afastamento do então prefeito Paulo Lemos. O afastamento foi determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral que confirmou decisão do TRE-ES, no dia 28 de abril. O candidato a vice-prefeito, na chapa, é o vereador Rogério Almeida (União Brasil).

Reginaldo Simão foi prefeito de Ibitirama na gestão anterior (2017-2020). Ele não foi candidato no pleito passado e, agora, tenta seu segundo mandato à frente da administração municipal. O candidato a vice-prefeito em sua chapa é o também vereador Zé Paulo (PSD).

O que pode ser feito na campanha segundo TRE-ES

Continua depois da publicidade

Conforme o TRE-ES os candidatos e coligações, estão autorizados, a partir desta quinta, a fazer propaganda eleitoral, inclusive na internet. Podem fazer funcionar alto-falantes ou amplificadores de som, das 8 às 22 horas, nos termos da Resolução do TSE que disciplina a propaganda eleitoral. Também podem realizar comícios e utilizar aparelhagem de sonorização fixa, das 8 horas até meia noite.

Distribuição de material gráfico, como os santinhos e outros folhetos, poderá ser feita até as 22 horas do dia 26 de novembro, além de caminhada, carreata e passeata, observados os limites e as vedações legais. E até o dia 25 de novembro, podem ser feitas divulgações na imprensa escrita e reprodução na internet do jornal impresso.

A partir desta quinta, os nomes dos candidatos devem ser incluídos nas pesquisas a serem realizadas, com a apresentação da relação de candidatos ao entrevistado. Contudo, não é permitida a realização de enquetes relacionadas ao processo eleitoral.

Advertisement
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

Advertisement
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.