Política Regional

Renata Fiório acredita que é possível fazer política de uma forma diferente e com um olhar humano

COMPARTILHE
46
Advertisement
Advertisement

As candidaturas femininas representam 33% nas eleições deste ano, de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Apesar do número recorde de candidatas, a representatividade ainda está longe de ser a ideal, já que mais da metade do eleitorado brasileiro é formado por mulheres.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Mais do que uma questão de gênero, a maior participação das mulheres nas eleições tem um efeito muito positivo, pois elas trazem para o campo político um olhar mais humanizado. É nisso que acredita a candidata a deputada federal Renata Fiório (PP).

“É preciso fazer política de uma forma diferente, com um olhar mais humano, mais afetuoso, mais acolhedor. E as mulheres, de forma geral, têm essa habilidade e já mostraram que têm capacidade de argumentar e de liderar visando o bem de todos, especialmente o dos mais carentes e dos que precisam de mais oportunidades”, destaca.

Eleita única vereadora de Cachoeiro de Itapemirim em 2016, Renata se engajou em projetos importantes em diversas áreas. Ela avançou nos debates sobre a duplicação da BR-101, que estava agarrada na época, criou a Câmara de Estudos do APL de Rochas Ornamentais, promoveu inúmeras audiências públicas e defendeu questões relativas aos servidores municipais, especialmente os do magistério.

Continua depois da publicidade

Mas é na área social que Renata considera que deixou seu maior legado. Em seu mandato de vereadora, Renata Fiório garantiu recursos públicos para a melhoria da Delegacia da Mulher e criou a Ouvidoria da Mulher na Câmara Municipal, um espaço de diálogo para atender as cidadãs cachoeirenses.

Política com olhar humano

Advogada, especialista em Gestão Imobiliária e microempresária do setor de alimentação, Renata Fiório decidiu entrar para a política por acreditar que é possível mudar a realidade das pessoas, com boa vontade, atenção às necessidades individuais e, principalmente, cuidando da população.

“Eu sempre vou ser aquela pessoa disposta a ajudar. Eu sempre estive envolvida em atividades da minha comunidade católica, sou voluntária em vários projetos e conheço muito bem as necessidades do sul do Estado, não apenas as de Cachoeiro. É justamente por isso que eu acredito na política com uma forma de acolher, de cuidar das pessoas. É disso que precisamos: de cuidar das pessoas”, ressalta.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Uma das prioridades de Renata Fiório como candidata a deputada federal é promover a acessibilidade e a inclusão de pessoas com deficiência. Renata sempre esteve envolvida em atividades de voluntariado ligadas à questão, como o Projeto Mova-se, de Cachoeiro de Itapemirim. Mas foi depois de um acidente na calçada do bairro Independência no final de agosto, quando quebrou o pé, que Renata sentiu na pele como é difícil a vida de quem não tem mobilidade.

“Eu acredito que nada é por acaso e, depois do que aconteceu comigo, eu consigo perceber ainda mais como detalhes simples dificultam a vida das pessoas com deficiência ou com dificuldade de locomoção”, revela a candidata.

Calçadas esburacadas, rampas com inclinação incorreta, portas fora dos padrões, elevadores pequenos demais. Essas foram algumas das inconformidades que Renata listou em sua campanha, que teve que ser adaptada por causa da cadeira de rodas, mas não parou.

“No meu caso, eu sei que é passageiro, mas imagina como é passar a vida inteira sendo limitada, não apenas por causa de uma questão de saúde, mas por uma questão de cidadania. Porque, quando os espaços públicos não são adequados e quando o poder público não se importa com a acessibilidade, o direito à cidadania acaba sendo limitado”, alerta.

Renata Fiório também defende o empreendedorismo, como forma de promover a geração de renda e emprego, incentiva o ecoturismo e a preservação do meio ambiente, o investimento em infraestrutura para atração de novos empreendimentos e medidas de combate a qualquer forma de preconceito e violência, em especial a violência contra a mulher.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here