Segurança

Mulher que seria assassinada e esquartejada pelo marido é resgatada por policiais minutos antes do crime, em Ibatiba

COMPARTILHE
Ibatiba
5159
Advertisement
Advertisement

Por pouco uma mulher de 28 anos não foi assassinada e esquartejada pelo marido, em Ibatiba, nesta quarta-feira (21). A vítima foi encontrada com pés, mãos e pescoço amarrados por fios, dentro da própria casa, no bairro Floresta. Próximo dela, policiais militares encontraram facas, sacos plásticos, revólveres municiados e malas.

Advertisement
Continua depois da publicidade

De acordo com a PM, o suspeito é o companheiro da vítima, de 26 anos. Ele foi preso em flagrante. Segundo o depoimento da mulher, o homem iria matá-la e se desfazer do corpo dela. Em seguida, fugiria da cidade para ficar com R$ 30 mil, que ela havia recebido por meio de herança.

A jovem escapou da morte após gritar por socorro e ser ouvida por vizinhos, que chamaram a PM. A mulher disse, ainda, que desde que recebeu a herança, não teve acesso ao dinheiro porque o valor estava sob posse do suspeito e, por isso, passou a cobrá-lo.

Ela foi resgatada pelos policiais e levada a um pronto socorro do município. A mulher apresentava diversas lesões e estava visivelmente abalada. O homem tentou fugir, mas foi localizado e preso minutos depois.

Continua depois da publicidade

O agressor foi encaminhado para a Delegacia Regional de Venda Nova do Imigrante e, após o registro da ocorrência, encaminhado para uma unidade prisional da região. Informações que ajudem no trabalho da polícia podem ser repassadas por meio do 181 e não é preciso se identificar. 

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui

Advertisement
Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here