Política Regional

Casagrande trata microrregionalização da saúde como prioridade no Espírito Santo

COMPARTILHE
69
Advertisement
Advertisement

Mesmo com os impactos da pandemia em todo o Espírito Santo, Renato Casagrande deu início ao planejamento de levar saúde de qualidade a todas as regiões do estado. Candidato à reeleição, é objetivo de Casagrande consolidar os avanços obtidos mesmo com as dificuldades impostas pela Covid-19 e avançar ainda mais na microrregionalização da saúde no Espírito Santo.

Advertisement
Continua depois da publicidade

“Costumo dizer que passamos pelo vale mais sombrio de nossas vidas e, mesmo assim, abrimos novos leitos SUS e UTI em todas as regiões, levamos consultas, exames e cirurgias para o interior e somos o único Estado com bases do SAMU em todos os municípios. Agora vamos acelerar a execução dos serviços necessários para acabar com as filas de média e alta complexidade e manter novas demandas atendidas”, declarou Casagrande.

Para realizar com consistência a regionalização dos serviços de saúde, a infraestrutura da rede será contemplada com a construção do Complexo de Saúde do Norte, em São Mateus, um novo Centro Regional de Especialidades (CRE), uma nova Farmácia Cidadã Estadual e o novo Hemocentro Regional.

Conheça mais propostas de Casagrande para dar mais agilidade e conforto no cuidado com a saúde dos capixabas:

  • Ampliar o atendimento de Saúde da Família levando o serviço a todos os capixabas, em todos os municípios do estado.
  • Levar o acesso ao tratamento de radioterapia às três regiões de saúde.
  • Apoiar a implantação de equipes multiprofissionais em Saúde Mental e a estruturação de mais Centros de Atenção Psicossocial nos municípios.
  • Aumentar a qualificação e o incentivo aos municípios para criação de Centros de Especialidades Odontológicas, em todas as microrregiões do Estado.

Advertisement
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.