Esporte Nacional

Sampaio Corrêa desencanta fora de casa na Série B em visita ao lanterna Náutico

COMPARTILHE
16
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Pior visitante da Série B, o Sampaio Corrêa demorou 31 rodadas para conquistar sua primeira vitória fora de casa na competição. Na noite desta sexta-feira, o time maranhense, que tinha conquistado apenas cinco pontos longe de seus domínios, venceu o Náutico, de virada, por 3 a 1, no Estádio dos Aflitos, em Recife, mantendo vivo o sonho do acesso.

Continua depois da publicidade

Antes desta partida, o Sampaio Corrêa tinha cinco empates e 10 derrotas em 15 confrontos longe de São Luís (MA). Com a vitória, o Sampaio Corrêa foi aos 42 pontos e continua sonhando com o acesso para a Série A, porque está distante seis pontos do Vasco, último clube no G-4.

O Náutico permanece na lanterna, com 27 pontos, e deu mais um passo rumo ao rebaixamento para a Série C. São oito pontos distante do Guarani, primeiro clube fora do Z-4.

Durante o aquecimento, uma bolada acertou o monitor do VAR, que foi trincado e precisou ser trocado. No segundo tempo, aos 13 minutos, o VAR voltou a dar problema e o jogo seguiu sem a possibilidade da revisão dos lances.

Continua depois da publicidade

O Sampaio Corrêa começou em cima do Náutico, porém, na primeira vez que atacou o adversário, o time da casa abriu o marcador. Aos cinco minutos, João Lucas recebeu de Júlio pela esquerda, cruzou e o próprio Júlio completou e cabeça para marcar para o Náutico.

Após o gol inicial, o Náutico criou chances para ampliar. Aos 21 minutos, Victor Ferraz deixou Júlio na cara do gol, mas o atacante desperdiçou grande oportunidade. O time da casa seguia melhor na partida, mas quem marcou foi o Sampaio Corrêa. Aos 35 minutos, após cruzamento, Ygor Catatau ajeitou de cabeça e Gabriel Poveda marcou seu 15º gol na Série B.

O segundo tempo teve poucas chances de gol no começo e foi o VAR que chamou a atenção. Aos 13 minutos, o time do Náutico reclamou, mas o árbitro informou que o sistema estava com problema.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Após os 15 minutos, o Sampaio Corrêa começou a criar chances de virar o marcador. Aos 18, Gabriel Poveda, de cabeça, completou cruzamento da direita e quase fez. Dois minutos depois, Pimentinha foi quem teve a oportunidade de marcar.

O Náutico chegava mais em jogadas alçadas na área. Aos 27, após cruzamento pela esquerda, Victor Ferraz aproveitou o rebote, mas mandou para fora do gol.

Após os 40, o Sampaio Corrêa definiu a partida. Aos 41, Rafael Costa virou o jogo, após passe de Pimentinha pela esquerda. Ele apenas completou para o gol. Aos 48, Pimentinha novamente acionou Nadson e ele teve tempo de dominar e bater para marcar o terceiro.

Na próxima rodada, o Náutico encara o Sport, na quarta-feira, em clássico previsto para a Ilha do Retiro, às 21h45. O Sampaio Corrêa joga na sexta-feira (30), quando recebe o Grêmio, no Castelão, em São Luís (MA), às 19h. As duas partidas são válidas pela 32ª rodada.

FICHA TÉCNICA

NÁUTICO 1 X 3 SAMPAIO CORRÊA

NÁUTICO – Jean; Victor Ferraz, Arthur Henrique, João Paulo e João Lucas; Souza (Luis Phelipe), Thomaz (Luís Felipe), Richard Franco (Jobson) e Jean Carlos; Éverton Brito (Pedro Vítor) e Júlio (Kieza). Técnico: Dado Cavalcanti.

SAMPAIO CORRÊA – Luiz Daniel; Maurício (Nadson), Alan Godói, Paulo Sérgio e Pará; André Luiz, Eloir (Ferreira), Rafael Vila (Pimentinha); Léo Tocantins (Lucas Araújo), Gabriel Poveda (Rafael Costa) e Ygor Catatau. Técnico: Léo Condé.

GOLS – Júlio aos cinco minutos e Gabriel Poveda aos 35 minutos do primeiro tempo, Rafael Costa aos 41 minutos e Nadson aos 48 do segundo tempo

ÁRBITRO – Dyorgines Jose Padovani de Andrade (ES).

CARTÕES AMARELOS – João Paulo, Jobson, João Lucas e Arthur(Náutico). Paulo Sergio (Sampaio Corrêa).

RENDA – R$ 461.456.00.

PÚBLICO – 15.314 torcedores.

LOCAL – Estádio dos Aflitos, no Recife (PE).

Estadao Conteudo
Copyright © 2022 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here