Geral

Polícia resgata homem que matou criminoso e era perseguido por comparsas no Rio

COMPARTILHE
9
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Um ajudante de caminhoneiro de 23 anos brigou com um criminoso, matou-o a facadas e fugiu com o fuzil do criminoso, na favela da Cidade Alta, em Cordovil, bairro da zona norte do Rio, durante a madrugada desta quinta-feira, 22. Perseguido por cerca de 20 comparsas da vítima, ele se escondeu dentro de uma caixa dágua cheia, numa casa da comunidade, e ligou de seu celular para a Polícia Militar pedindo ajuda.

Continua depois da publicidade

Policiais do 16º Batalhão (Olaria) foram até a Cidade Alta e protagonizaram intenso tiroteio com os comparsas do criminoso morto. Dois supostos criminosos foram mortos, e o rapaz escondido na caixa dágua foi localizado e resgatado.

O nome do ajudante de caminhoneiro não foi divulgado. Ele foi levado primeiro ao hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, e depois à Delegacia de Homicídios do Rio. Lá, confessou ter matado o criminoso e ficado com seu fuzil.

À procura do autor das facadas, os criminosos invadiram e vasculharam várias casas na Cidade Alta. Quando a Polícia chegou, eles recorreram até a uma metralhadora calibre ponto 50, capaz de derrubar aeronaves e perfurar veículos com certo grau de blindagem, para enfrentar os policiais. Um blindado da PM foi atingido por um tiro dessa arma em um farol. A metralhadora foi apreendida, assim como um fuzil e AR-15 e várias granadas.

Continua depois da publicidade

Fabio Grellet
Estadao Conteudo
Copyright © 2022 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here