Internacional

ONU/Espanha/Sánchez: crise de energia está colocando pressão em países na Europa

COMPARTILHE
12
Advertisement
Advertisement
Advertisement

O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, afirmou nesta quinta-feira, 22, que a crise de energia está pressionando todos os países da Europa. Em discurso na 77ª Assembleia-Geral das Nações Unidas, o líder defendeu que o continente deve buscar a transição energética, assim como a diversificação e independência no âmbito da geração de energia.

Continua depois da publicidade

“A atual crise energética obriga-nos a investir de forma decisiva em modelos energéticos mais sustentáveis e a aumentar nossa independência energética. É fundamental diversificar, eletrificar e descarbonizar nossa matriz, por dois motivos: para evitar que os países usem seus recursos energéticos como arma de guerra e para responder ao desafio fundamental e cada vez mais evidente que enfrenta o nosso própria geração e por aqueles que ainda estão por vir: o desafio das mudanças climáticas”, defendeu.

O líder ainda reforçou que defende a independência, soberania e integridade territorial da Ucrânia. “Raramente os alicerces desta instituição foram tão fortemente abalados como nas primeiras horas de 24 de fevereiro. Passados mais de seis meses, ainda testemunhamos o horror”, destacou. Com relação à pandemia de covid-19, para ele, ainda há muito a ser feito. “Existe um grau escandaloso de desigualdade entre os países, no que diz respeito ao acesso à vacina”, apontou.

Letícia Simionato
Estadao Conteudo
Copyright © 2022 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here