Internacional

Estônia e Finlândia querem que Europa acabe com vistos para turistas da Rússia

COMPARTILHE
17
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Os líderes da Estônia e da Finlândia querem que outros países europeus parem de emitir vistos de turista para cidadãos russos. A justificativa é que os cidadãos da Rússia não podem tirar férias na Europa enquanto o governo do país conduz uma guerra na Ucrânia.

Continua depois da publicidade

A primeira-ministra da Estônia, Kaja Kallas, escreveu na terça-feira, 9, em seu Twitter que “visitar a Europa é um privilégio, não um direito humano”. E que é “hora de acabar com o turismo da Rússia agora”.

Um dia antes a primeira-ministra da Finlândia, Sanna Marin, disse à emissora finlandesa YLE que “não é certo que, enquanto a Rússia trava uma guerra agressiva e brutal de agressão na Europa, os russos possam ter uma vida normal, viajar na Europa, ser turistas”.

A Estônia e a Finlândia fazem fronteira com a Rússia e são membros da União Europeia, que proibiu as viagens aéreas da Rússia depois da invasão da Ucrânia. Mas os russos ainda podem viajar por terra para os dois países e, aparentemente, estão utilizando voos para outros destinos europeus.

Continua depois da publicidade

A YLE informou na semana passada que as empresas russas começaram a oferecer viagens de carro de São Petersburgo para os aeroportos de Helsinque e Lappeenranta, na Finlândia, que têm conexões diretas para vários lugares da Europa. A segunda maior cidade da Rússia fica a cerca de 300 quilômetros (186 milhas) da capital finlandesa.

Associated Press
Estadao Conteudo
Copyright © 2022 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement
Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here