Cidades

Vargem Alta e Rio Novo do Sul recebem investimento de R$ 1,4 milhão com a modernização de pontos da iluminação pública por LED

COMPARTILHE
A EDP, distribuidora de energia elétrica do Espírito Santo, e as prefeituras de Vargem Alta e Rio Novo do Sul assinaram nesta sexta-feira, 22
Imagem ilustrativa
78
Advertisement
Advertisement

A EDP, distribuidora de energia elétrica do Espírito Santo, e as prefeituras de Vargem Alta e Rio Novo do Sul assinaram nesta sexta-feira, 22, o convênio do projeto que substituirá 1.661 pontos de iluminação da cidade pela tecnologia LED, incentivando a conservação e uso racional da energia elétrica. Os projetos somam um investimento de cerca de R$ 1,4 milhão.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Em Vargem Alta, a cerimônia de assinatura do convênio foi realizada na sede do município e contou com a presença do prefeito Elieser Rabello, e do diretor da EDP, Fernando Saliba. A cidade será contemplada com a modernização de 1.104 luminárias de iluminação pública com tecnologia LED.

O investimento por parte do programa da EDP, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), será de R$ 700 mil, onde após a conclusão das trocas, é esperado uma economia de energia de 531,13 MWh/ano. Essa economia é suficiente para suprir em média 221 residências por mês considerando um consumo médio mensal de 200kWh.

Já em Rio Novo do Sul, o convênio para a modernização e substituição e 557 luminárias por LED foi assinado pelo prefeito Jocenei Marconcini Castelari e o diretor da EDP, Fernando Saliba, na sede da administração municipal. O investimento por parte do programa da EDP, regulado pela ANEEL, será de R$ 637.410,00, onde após a conclusão das trocas, é esperado uma economia de energia de 629,36 MWh/ano. Essa economia é suficiente para suprir em média 262 residências por mês considerando um consumo médio mensal de 200kWh.

Benefícios

Continua depois da publicidade

A iniciativa traz benefícios para a população, já que a tecnologia LED proporciona mais conforto visual e nitidez, além de contribuir na diminuição do consumo de energia e redução também nos custos de manutenção, uma vez que a durabilidade da lâmpada LED é muito superior ao sistema que estava sendo utilizado. O novo modelo também gera menor impacto ambiental por não conter mercúrio e outros componentes nocivos em sua composição.

“Beneficiar a população e serviços públicos da área de concessão por meio dos programas de eficiência energética e tornar a iluminação pública das cidades mais eficiente está em linha com nosso propósito de Usar a nossa energia para cuidar sempre melhor. Nos projetos desenvolvidos, contribuímos diretamente para a utilização segura e racional da energia elétrica, e, consequentemente, para a redução de gastos com energia e um melhor uso dos recursos naturais”, afirma o diretor da EDP, Fernando Saliba.

Projetos

No mês de maio deste ano, a EDP divulgou o resultado de mais uma Chamada Pública de Eficiência Energética, que contou com um investimento de R$ 4,3 milhões. Nas ações contempladas está a troca de 4.000 luminárias de iluminação pública comuns por LED nas cidades de Alegre, Muqui, Rio Novo do Sul, Vargem Alta, Ponto Belo, Linhares e Serra.

Advertisement
Continua depois da publicidade

A Chamada Pública de Projetos do Programa de Eficiência Energética da EDP é regulada pela Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL. Mais informações em: www.edpes.gestaocpp.com.br

 

Advertisement
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.