Cidades

Comunidade Quilombola de Graúna busca apoio junto a Prefeito de Itapemirim para realizar projetos culturais

COMPARTILHE
O Prefeito de Itapemirim, Dr. Antônio Rocha, e o vice-prefeito, Fábio Pereira (DaGata) se reuniram com representantes da Associação Comunit
87
Advertisement
Advertisement

O Prefeito de Itapemirim, Dr. Antônio Rocha, e o vice-prefeito, Fábio Pereira (DaGata) se reuniram com representantes da Associação Comunitária dos Quilombolas de Graúna, para ouvir as necessidades locais e tratar sobre projetos que serão desenvolvidos na comunidade.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Alto declarada Quilombola, Graúna terá total apoio da Prefeitura na captação de recursos voltados para incentivar projetos culturais, artesanato, e a melhoria da geração de emprego e renda na comunidade. Já foi realizado, através da Secretaria de Cultura, um levantamento dos recursos que a associação poderá receber, através de credenciamentos estaduais e federais, e a equipe técnica do município estará disponível para uma consultoria, caso a associação necessite.

Atualmente a Associação Comunitária Quilombola precisa ter uma sede, pois este é o pré-requisito de alguns projetos que pretendem se inscrever. “Temos verbas que voltam pelo fato da associação não termos uma sede”, desabafou o Presidente, Leandro Fabiano. “Esse não será mais um problema. Encontramos uma solução! Faremos um contrato de cessão de uso de uma área esportiva que o Município tem na comunidade, que não está sendo utilizada”, garantiu o Prefeito.

A comunidade tem atividades de artesanato crochê, produção de esteira, grupo de capoeira, grupo de Maculelê, e diversas outras manifestações culturais. “Essas potencialidades serão exploradas culturalmente. Vamos valorizar e respeitar a história dos Quilombolas de Graúna” garantiu o Secretário de Cultura, Rafael Perim.

Continua depois da publicidade

A reunião tratou ainda sobre a infraestrutura da Comunidade, como por exemplo o saneamento básico.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here