Segurança

Advogado bêbado faz disparos com arma de fogo durante Festival da Sanfona e da Viola, em Mimoso do Sul

COMPARTILHE
advogado
8339
Advertisement
Advertisement

Um advogado de 28 anos foi preso, na noite desse sábado (30), após efetuar disparos com uma arma de fogo, dentro de uma residência localizada em São Pedro de Itabapoana, no município de Mimoso do Sul.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Segundo informações da Polícia Militar (PM), durante o Festival da Sanfona e da Viola, uma equipe foi abordada por dos seguranças do evento, dizendo que o prefeito do município, Peter Nogueira da Costa, solicitou apoio da PM, pois estava próximo a uma residência, onde um rapaz armado, acabara de atirar.

Os policiais então foram até o lugar informado, onde encontraram o suspeito, com uma pistola em sua cintura. Os militares então recolheram a arma, pois perceberam imediatamente que o mesmo estava muito embriagado, com sinais de desequilíbrio, fala alterada e olhos vermelhos.

Ao ser solicitada sua identificação, o homem apresentou a CNH, o certificado de registro da arma de fogo com data de validade 05/09/2029, o porte federal de arma com validade de 12/03/2025 e sua carteira da OAB.

Continua depois da publicidade

Nesse momento, o proprietário do imóvel em que os disparos aconteceram, um empresário de 29 anos, se apresentou a Polícia. Ele relatou que o acusado entrou na residência totalmente transtornado e efetuou cinco disparos para o alto, causando danos no forro de PVC. A equipe então se deslocou até o local, onde tiraram fotos e colheram as munições que estavam no chão.

O dono da casa informou a PM, que não conhece o acusado. Disse ainda que não queria ir até o DPJ de plantão para representar contra o acusado, mas que estaria a disposição, caso fosse chamado posteriormente, em Mimoso do Sul, para dar seu depoimento.

Diante dos fatos, o advogado foi detido. Inicialmente, ele foi conduzido no banco de trás da viatura, sem o uso de algemas. Porém, após cerca de 2 km de deslocamento, o mesmo fingiu estar com vontade de vomitar e, quando os militares abriram a porta, ficou agressivo e tentou fugir.

Advertisement
Continua depois da publicidade

O homem foi contido e colocado no compartimento de segurança do veículo, onde começou a xingar os militares e a chutar e dar tapas no carro. Ele foi encaminhado DPJ, onde foi entregue sem lesões.

Advertisement