Cidades

Bienal Rubem Braga: Autora de best-sellers falará sobre literatura fantástica

COMPARTILHE
A 8ª Bienal Rubem Braga, que a Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim realizará, de 23 a 29 de maio, contará com a participação da escritora
Foto: Divulgação / Carolina Munhóz
84
Advertisement
Advertisement

A 8ª Bienal Rubem Braga, que a Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim realizará, de 23 a 29 de maio, contará com a participação da escritora Carolina Munhóz, conhecida por seus best-sellers de literatura fantástica, entre eles “O inverno das fadas’, “Feérica’ e “Por um toque de ouro”.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Carolina participará da mesa de debates on-line, no dia 25 de maio, às 9h e 14h, com transmissão ao vivo pelo canal oficial da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Cachoeiro no Youtube (Semcult Cachoeiro).

Com mais de 350 mil livros vendidos, ela desenvolve, em suas histórias, universos com criaturas míticas como fadas e leprechauns, sempre com uma perspectiva própria desses seres.

“Sempre que busco inspiração em criaturas ou lendas já existentes e tento me aprofundar o máximo possível para saber todas as formas que elas já foram abordadas antes de dar a minha perspectiva”, comenta a escritora, que vive em Los Angeles, Califórnia (EUA).

Continua depois da publicidade

Além de escritora, Carolina Munhóz também escreve argumentos para séries em plataformas de streaming, como o thriller sobrenatural “O escolhido”, onde atuou como showrunner, produtora executiva e roteirista.

Em suas produções para mídias visuais, a autora trabalha, recorrentemente, em parceria com seu marido, o também escritor Raphael Draccon. Na série “Cidade invisível”, que figurou entre as 10 mais assistidas em 60 países, incluindo os Estados Unidos da América, a dupla utilizou elementos do folclore brasileiro em uma abordagem pós-moderna.

“Vínhamos, há anos, estudando o folclore brasileiro e buscando uma forma de adaptá-lo para o mundo contemporâneo. Então, moldamos essas figuras da mesma maneira que já fazíamos em nossos livros como fadas, dragões e leprechauns, utilizando o fantástico como metáforas de situações e sentimentos reais”, explica.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Sobre sua participação na Bienal, na mesa de discussão “Literatura fantástica x sobrevivência em um mundo real de violência ao próximo”, Carolina comenta que irá compartilhar suas experiências profissionais e pessoais como escritora, e sobre como a literatura pode servir de refúgio em momentos difíceis.

“O público pode aguardar um pouco sobre minha experiência pessoal como uma jovem que sofreu bullying e depressão na adolescência, e que através da literatura fantástica, encontrou um refúgio, que hoje se transformou em uma morada”, comenta a escritora.

Programação da 8ª Bienal Rubem Braga

Além de Carolina Munhóz, a edição 2022 da Bienal Rubem Braga contará com a participação de outros escritores brasileiros de renome, como Antônio Torres, membro da Academia Brasileira de Letras (ABL), além de Micheliny Verunschk, Isa Colli, Claufe Rodrigues, Roberta Malta e Henrique Rodrigues.

A programação do evento também inclui mesas on-line de lançamento de livros, em que serão apresentados 14 títulos – de autores cachoeirenses e de outras partes do país.

Além disso, as atividades da 8ª Bienal Rubem Braga contarão com oficinas em escolas e centro culturais; city tour dedicado ao cronista, exposições e uma feira de artesanato. Confira a programação completa do evento no site www.cachoeiro.es.gov.br.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here