Geral

La Niña em ação: verão do capixaba será mais chuvoso e mais fresco

COMPARTILHE
La Niña tempo chuva nublado
3914
Advertisement
Advertisement

Os dias mornos mostram que o verão está chegando. Com início oficial 12h59, do dia 21 de dezembro, a estação mais quente do ano vai ser influenciada diretamente pelo resfriamento das águas do Pacífico Equatorial, o chamado Niña. Para os capixabas, isso pode significar um verão mais chuvoso, já que o fenômeno causa precipitação acima da média no norte da Região Sudeste.

Advertisement
Continua depois da publicidade

 E para quem não gosta dos verões muito quentes, a boa notícia é que a temperatura permanecerá próxima ou abaixo da média na maior parte do país. Isso porque as ondas de frio podem ser mais intensas e a chuva persistente também limitam a quantidade de horas de sol.

“O Sudeste e Centro-Oeste, são regiões de transição. Por isso podemos pensar numa situação em que o Norte dessas duas regiões, como Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso, acabam tendo chuvas mais persistentes, enquanto São Paulo e Mato Grosso do Sul sentem a estiagem. No Sudeste vamos notar diferenças na temperatura, o frio. O La Niña, até brinco, não combina com praia. Quando há o fenômeno, passa muita frente fria na costa e com massas de ar frio fortes. Podemos ter dias ensolarados e quentes, mas o frio entrará com mais constância”, explica o agroecologista e membro do Instituto Climatempo, Celso Oliveira.

Advertisement
Continua depois da publicidade
Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.