Coronavírus

A partir desta terça(13), quatro cidades do Sul do ES agendam vacina contra a Covid pela internet

COMPARTILHE
vacina contra Covid cidades
545
Advertisement
Advertisement

Quatro cidades do Sul do Espírito Santo aderiram à plataforma Vacina e Confia ES, disponibilizada pelo Governo do Estado. Mimoso do Sul, Iúna, Ibatiba e Jerônimo Monteiro vão usar o sistema, que estará disponível a partir desta terça-feira (13). Em todo o Estado, onze cidades já aderiram ao programa de agendamento de vacina contra Covid on-line.

Continua depois da publicidade

“É uma facilidade muito grande ao cidadão, pois ele vai acessar a plataforma e terá disponível seu cartão digital. É apenas o primeiro passo, que é o registro da vacinação contra a Covid. O passo futuro é o agendamento e registro de todos as vacinas. Começamos com a Covid mas vamos migrar para as demais”, disse o subsecretário de Estado de Saúde, Luiz Carlos Reblin.

Uma das novidades disponíveis na plataforma Vacina e Confia ES é o portal de agendamento destinado à Campanha de Vacinação contra a Covid-19. Dessa forma, o objetivo é proporcionar aos municípios que não têm o sistema de agendamento on-line uma ferramenta simplificada. O sistema ficará disponível para a adesão a qualquer tempo.

A população em geral também poderá acessar o portal. Ao clicar na opção “Cidadão”, pode realizar o cadastro com dados pessoais e escolha do público da campanha de vacinação. Além disso, poderá buscar pelo local de vacinação mais próximo de sua residência, tanto para primeira quanto para segunda dose.

Continua depois da publicidade

Dentro da plataforma, os municípios terão autonomia para definir quaisquer estratégias, assim como a opção de abrir agendamento apenas para seus munícipes ou população geral.
O sistema impede a escolha do imunizante para a primeira dose – o fabricante só é disponível para as segundas doses. Além disso, não há possibilidade de escolha de doses de fabricantes diferentes e uma terceira dose.

Vacinação nas cidades

Segundo o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, nesta semana têm início a vacinação dos trabalhadores da limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos, junto com as Forças Armadas. Assim, na sequência, estão os trabalhadores do transporte aquaviário, das indústrias e população privada da liberdade. Os seguintes serão os caminhoneiros, lactantes e adolescentes de 12 a 17 anos, com comorbidades. Depois, é a vez dos trabalhadores da Ceasa, Idaf e imprensa, que atuam na linha de frente do enfrentamento da pandemia. “Em agosto, vamos concluir todos os grupos prioritários”, explicou Fernandes.

Dessa forma, avalia Fernandes, a vacinação dos adolescentes com comorbidade ou deficiência representam um salto importante para o Estado. Então, isso poderá permitir um retorno mais seguro às salas de aula, salienta o secretário. “Reconhecemos que, depois da quantidade de óbitos, fechar as escolas foi a maior violência dessa pandemia. Priorizamos a retomada do ensino. E a vacinação dos adolescentes com comorbidades é um passo importante para essa retomada”, explica.

Advertisement
Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here