Esporte Nacional

Luan Peres enaltece números e reação do Santos sob o comando de Fernando Diniz

COMPARTILHE
15
Advertisement
Advertisement

Com 21 jogos disputados e 1.890 minutos em campo, ninguém esteve mais tempo com a camisa do Santos na temporada 2021 do que o zagueiro Luan Peres. Essa estatística comprova a importância do defensor que é um dos remanescentes na campanha do vice-campeonato da Copa Libertadores na última temporada.

Continua depois da publicidade

Desde que chegou ao Santos no segundo semestre de 2019, Luan Peres vem tendo uma boa sequência de partidas pelo clube alvinegro – já são 85 jogos. “Esses números mostram minha regularidade e é fruto de muito trabalho. Venho sendo consistente e, além disso, não sou um jogador que costumo ficar de fora por lesões, principalmente musculares. Espero que esse cenário continue assim e eu possa ter sequências de temporadas como titular”, ressaltou.

O Santos vive boa fase e vem de três vitórias consecutivas. A última delas, diante do Cianorte-PR, garantiu o time nas oitavas de final da Copa do Brasil, competição nesta semana que teve eliminações de gigantes do futebol brasileiro como Palmeiras, Corinthians, Internacional e Cruzeiro.

Advertisement

“Essa nossa classificação na Copa do Brasil tem muito dedo do Fernando Diniz. Ele nos cobrou muito desde o jogo de ida que não poderíamos entrar relaxados. Para o Cianorte, os confrontos contra nós eram os jogos do ano para eles. Nós é que poderíamos deixar a eliminatória sob o nosso controle e foi isso que fizemos desde o primeiro minuto lá no Paraná. Controlamos bem os 180 minutos, não sofremos gols, vencemos as duas partidas e ainda pude dar assistência para o Marcos Guilherme fazer o gol da vitória na Vila”, resumiu Luan Peres, que disputa pela quinta vez a Copa do Brasil na carreira.

Continua depois da publicidade

Aliás, a Copa do Brasil não é a única competição nacional que Luan Peres conhece bem. Se entrar em campo neste sábado contra o Juventude, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, o zagueiro chegará ao seu jogo de número 80 no Brasileirão.

“Estou realizando um sonho de moleque que é jogar as principais competições que envolvem clubes brasileiros. E a cada marca alcançada fico ainda mais feliz, pois mostra que venho atuando em alto nível a cada temporada. Minha felicidade é imensa neste momento. Individualmente venho bem e coletivamente o Santos reagiu nos últimos jogos. Estamos sofrendo menos gol, o elenco foi incorporado com peças importantes e o time entendeu bem a ideia do Fernando Diniz. Temos tudo para embalar”, finalizou.

Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here