Política Nacional

Bolsonaro repete, sem provas, que foi eleito no 1º turno e que houve fraude

COMPARTILHE
18
Advertisement
Advertisement

O presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a dizer, sem apresentar provas novamente, que venceu as eleições presidenciais de 2018 no primeiro turno. “Fraude que existiu me jogou no segundo turno”, afirmou em pronunciamento durante culto com lideranças evangélicas, em Anápolis (GO).

Continua depois da publicidade

Na fala, ele retomou sua trajetória de deputado até a presidência da República e as críticas ao PT. “Acompanhamos 12 anos daquele partido com pessoas que pensam diferente”, disse diante do público de fiéis.

Ao comentar sua trajetória como deputado federal do chamado “baixo clero”, Bolsonaro afirmou que percebeu que seria necessário se tornar presidente para “mudar”, e que foi desacreditado até mesmo dentro de casa. “Achavam que eu tinha que ser preso”, disse.

Advertisement

Entre os que participaram do evento estavam o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Onyx Lorenzoni, deputados federais Daniel Freitas (PSL-SC) e Major Vitor Hugo (PSL-GO).

Continua depois da publicidade

Lorenzoni falou ao público logo após o pastor que abriu a cerimônia. “O Brasil é a pátria do evangelho”, disse pouco antes de passar o microfone a Vitor Hugo.

Gustavo Côrtes e Bruno de Castro
Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].