Cidades

Moradores de Cachoeiro que tiveram telhados danificados por chuva de granizo recebem novas telhas

COMPARTILHE
266
Advertisement
Advertisement

A Defesa Civil de Cachoeiro de Itapemirim está entregando novas telhas a famílias do interior que tiveram os telhados de suas casas avariados pela última chuva de granizo, em 31 de março. Inicialmente, serão distribuídas 2 mil telhas doadas pelo Movimento Empresarial Sul Espírito Santo (Messes) e outras 200 da Defesa Civil estadual – que deverá enviar mais materiais em breve.

Continua depois da publicidade

As entregas começaram nesta quarta-feira (14), quando foram atendidas 17 famílias nas localidades de Morro Seco (Pacotuba), Campos Elíseos (Burarama) e Retiro (Conduru). Nesta quinta-feira (15), 27 famílias da comunidade de Jacu (Burarama) foram contempladas.

O trabalho conta a participação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes), que faz o cadastro das famílias e fornece outros itens, como cestas básicas e colchões. Já as secretarias municipais de Manutenção e Serviços (Semmat) e Esporte, Lazer e Qualidade de Vida (Semesp) contribuem com a logística das entregas.

Antes da entrega das telhas, 70 famílias afetadas pelas ocorrências já estavam recebendo assistência da Prefeitura de Cachoeiro. Elas foram encaminhadas pela Defesa Civil à Semdes, que desde então lhes fornece cestas de alimentos, kits de limpeza, colchões e travesseiros – de acordo com suas necessidades.

Continua depois da publicidade

“A parceria do Messes, da Defesa Civil estadual e das demais secretarias municipais é fundamental para prestar assistência às famílias afetadas. A Prefeitura de Cachoeiro busca formas legais de adquirir mais telhas, para sanar a necessidade dos moradores em sua totalidade”, afirma o coordenador da Defesa Civil municipal, Elio Carlos Miranda

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].