Economia

Ásia: bolsas fecham na maioria em alta, após Fed indicar manutenção de estímulos

COMPARTILHE
9
Advertisement
Advertisement

As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam majoritariamente em alta nesta quinta-feira, 8, após o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) sinalizar ontem, em ata de política monetária, que manterá sua postura acomodatícia pelo tempo que for necessário.

Continua depois da publicidade

O Hang Seng liderou os ganhos na região asiática hoje, com alta de 1,16% em Hong Kong, a 29.008,07 pontos, enquanto o sul-coreano Kospi avançou 0,19% em Seul, a 3.143,26 pontos, e o Taiex subiu 0,66% em Taiwan, a 16.926,44 pontos.

Na China continental, o Xangai Composto teve ligeira alta de 0,08%, a 3.482,55 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto ficou praticamente estável, com baixa marginal de 0,01%, a 2.257,95 pontos.

Advertisement

Já em Tóquio, o Nikkei caiu 0,07%, a 29.708,98 pontos, pressionado por ações financeiras e de aviação, após relatos de que casos de infecção por covid-19 voltaram a aumentar em partes do Japão.

Continua depois da publicidade

Em Nova York, as bolsas ficaram mistas ontem, após o Fed indicar em sua última ata que pretende manter estímulos monetários no patamar atual, mas também demonstrar pouca preocupação com pressões inflacionárias, o que acabou impulsionando os juros dos Treasuries de mais longo prazo.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou no azul pelo quinto pregão seguido nesta quinta. O S&P/ASX 200 avançou 1,02% em Sydney, a 6.998.80 pontos. (Com informações da Dow Jones Newswires).

Sergio Caldas
Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: (28) 3521-7726, [email protected].