Economia

Procon de Cachoeiro divulga pesquisa de preços de itens para Semana Santa; confira a lista

COMPARTILHE
201
Advertisement
Advertisement

Na hora das compras dos alimentos para a Semana Santa, as dicas são conferir se os produtos estão em boas condições de consumo, verificar a higiene de estabelecimentos e funcionários. As recomendações são do Procon de Cachoeiro, que afirma ainda que os fornecedores de produtos artesanais devem seguir as mesmas regras de comercialização dos industrializados. Além disso, é essencial verificar a procedência e armazenamento dos alimentos.

Continua depois da publicidade

Também como forma de ajudar os consumidores cachoeirenses, o Procon realizou uma pesquisa de preços com os produtos mais procurados nesta época, como bacalhau, peixes, frutos do mar, batata, azeite e chocolates. O levantamento, feito em diversos estabelecimentos da cidade, está disponível no site: www.cachoeiro.es.gov.br/procon.

O coordenador do Procon de Cachoeiro, Fabiano Pimentel, recomenda que a população pesquise preços antes de ir às compras. “É importante sempre pesquisar preços, buscar promoções, com o objetivo de economizar. Essa é uma dica que vale não somente para Semana Santa, mas também para todas as épocas do ano”, afirma.

Valores visíveis

Continua depois da publicidade

O Procon ressaltou, ainda, que todo item deve ter o preço devidamente exposto e o consumidor não deve comprar produtos vencidos ou com embalagem que não esteja em bom estado de conservação.  Em relação aos chocolates, também é importante verificar o rótulo dos ovos, que deve conter todas as informações sobre o produto. A embalagem precisa estar em boas condições, sem sinais de violação, furos ou amassados.

A orientação também é para que, se puder, o cliente não leve crianças para os estabelecimentos, para evitar gastos desnecessários. Além disso, é fundamental guardar a nota fiscal das compras para possíveis trocas de produtos.

 

Advertisement
Continua depois da publicidade

 

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here