Segurança

Suspeito de sequestrar e torturar vereador de Brejetuba é preso pela polícia 

COMPARTILHE
675
Advertisement
Advertisement

A Polícia Civil prendeu em Brejetuba, na manhã desta quarta-feira (25), um dos acusados de sequestrar, ameaçar e torturar o vereador Antônio Bonifácio, conhecido como Antonio da Saúde (Cidadania), no último dia 17, caso ele não renunciasse ao cargo na Casa de Leis do município. O carro usado no dia do crime também foi localizado.

Continua depois da publicidade

Inicialmente, o caso veio à tona após o deputado estadual Hudson Leal denunciar o crime no plenário e avisar ao Ministério Público e a Polícia Civil depois do vereador renunciar, sob tortura, ao cargo com medo de ter o filho assassinado.

De acordo com o delegado Cláudio Rodrigues, o suspeito é conhecido na cidade por atuar como pistoleiro e no dia do crime ofereceu uma carona para o vereador, que foi pela segunda vez o mais votado para a cadeira.

Continua depois da publicidade

O político, que seguia para uma sessão, inocentemente aceitou a carona, por conhecer o criminoso. Já que o homem é muito popular na cidade. No caminho, um outro homem entrou no veículo, momento em que passaram a ameaçar o vereador e afirmaram que caso ele não desocupasse o cargo na Câmara, iriam matar seu filho, que estuda em Vitória.

Durante a viagem, a dupla ameaçava e torturava psicologicamente Antônio, que ficou durante algumas horas sob poder dos criminosos. Depois das ameaças, ele foi abandonado em Viana.

Segundo Rodrigues, um dos suspeitos soube que a polícia estava à sua caça e se apresentou na delegacia junto com seu advogado, mas, acabou preso por estar com um outro mandado de prisão em aberto por crime de receptação.

Advertisement
Continua depois da publicidade

O mandante do crime foi identificado, já que toda a cidade sabe à quem interessa a vaga no Legislativo. Ainda nesta quinta-feira (25), algumas pessoas já foram ouvidas. O suspeito foi encaminhado para uma unidade prisional.

Agora, a polícia procura o outro envolvido e conta com a ajuda da população que pode repassar informações sobre o caso e os envolvidos por meio do 181, não é preciso se identificar.

 

 

 

 

 

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].