Cidades

Homem é preso por se passar por médico em posto de saúde de Atílio Vivácqua

COMPARTILHE
Na foto, o vereador conversando com o suspeito.
3727
Advertisement
Advertisement

Uma denúncia feita por moradores de Atílio Vivácqua ao vereador Renan Corrêa nesta quarta-feira (13), levou a descoberta de um estudante de medicina que estaria atendendo de forma irregular no posto de saúde da localidade rural de Córrego da Fama, sem autorização e capacitação para o cargo.

Continua depois da publicidade

Além disso, o homem estaria utilizando o carimbo com CRM de uma médica contratada pela Secretaria de Saúde da cidade, e curiosamente, esposa do suspeito. Ao ser questionado pelo vereador que foi até o consultório e gravou as imagens, o homem se defendeu dizendo ser “estagiário” da médica, mas se enrolou ao tentar se justificar e preferiu fugir quando chamaram a polícia.

Ele foi preso próximo ao Posto Oriente, quando pegava a BR 101 para escapar da prisão. O suspeito foi levado para a Delegacia do município, que investiga o caso, e assinou um termo circunstanciado. Ele vai responder em liberdade pelo crime.

O vereador afirmou que vai levar o caso até o Ministério Público, e que quer explicações da Secretaria Municipal de Saúde sobre o ocorrido.

O que diz a Prefeitura

Continua depois da publicidade

A respeito do caso ocorrido em unidade de saúde no interior de Atílio Vivácqua, nesta semana, a Prefeitura vem a público prestar os seguintes esclarecimentos:

Imediatamente informada sobre a referida ocorrência, a Secretaria fez intervenção in loco na unidade e, logo, fez o devido registro. A pasta também já iniciou procedimento para afastamento dos servidores envolvidos, em caráter temporário, para apuração dos fatos, que serão investigados pelo Município, por meio de procedimento disciplinar.

Ainda na tarde de quarta, a Secretaria de Saúde esteve na delegacia de Polícia Civil de Atílio Vivácqua, para registrar o caso, mas foi informada que não havia profissional para tal procedimento, àquele momento, e foi orientada a fazer o registro de ocorrência virtualmente, no portal da corporação, o que foi efetivado na manhã desta quinta-feira (14);

Advertisement
Continua depois da publicidade

O Executivo ressalta que, em nenhum momento, o vereador responsável pela denúncia fez comunicação prévia à Secretaria de Saúde, solicitando-a para ir até a unidade de Córrego da Fama, bem como não procurou a pasta para buscar informações acerca do fato.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.