Eleições 2020

Justiça Eleitoral ainda não liberou registro de candidatura de Paulo Lemos em Ibitirama

COMPARTILHE
1986
Advertisement
Advertisement

Apesar de o Juiz Eleitoral Luciano Antonio Fiorot, da 18ª Zona Eleitoral, ter deferido em um processo o pedido de registro da coligação “União, Trabalho, Respeito e Progresso”, do município de Ibitirama, que tem Paulo Lemos (PSD) como candidato à disputa da prefeitura municipal, ainda há outro processo de impugnação a ser analisado pelo magistrado.

Continua depois da publicidade

No caso do deferimento do pedido da coligação no processo Nº Processo nº 0600302-94.2020.6.08.0018, o juiz pondera na decisão que foram preenchidas todas as condições legais para o registro pleitado e não houve pedido de impugnação por parte do Ministério Público, estando assim, regular para disputar as eleições.

O processo Nº 0600304-64.2020.6.08.0018, que pede a impugnação de Paulo Lemos, foi movido pelo Partido Democratas e Ministério Público Eleitoral (MPE).

Em despacho no último dia 14, o juiz Luciano Antonio Fiorot destaca que, “por se tratar de matéria exclusivamente de direito, não havendo mais provas a serem produzidas pelas partes, dá por encerrada a fase probatória. Intime-se o impugnante, via mural eletrônico, e o MPE, via sistema, para apresentarem, caso queiram, alegações finais, no prazo comum de 5 dias, nos moldes, nos termos do art. 43 da resolução 23.609/19”.

Continua depois da publicidade

Apresentadas ou não as alegações, os autos serão remetidos para julgamento. A data final para as contestações termina hoje (19).

A frente “União, Trabalho, Respeito e Progresso” é formada pelo PDT, Republicanos, Cidadania, PSD, MDB, PSB e PSDB.

Advertisement
Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here