Variedades

44ª Mostra: Veja os 15 filmes finalistas do Troféu Bandeira Paulista

COMPARTILHE
20
Advertisement
Advertisement

Uma importante tradição da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo foi mantida, mesmo na atual versão online: o voto do público. É o que destaca o evento desde sua criação, em 1977, quando Leon Cakoff desafiou a ditadura militar, que não permitia a população eleger seus políticos. A Mostra, portanto, era um dos poucos lugares onde uma votação era bem-vinda.

Continua depois da publicidade

Nos últimos anos, a avaliação do público auxilia na escolha dos filmes que participam da Competição Novos Diretores e serão avaliados por um júri especializado – os longas vencedores receberão o Troféu Bandeira Paulista, uma criação da artista plástica Tomie Ohtake.

Nesta 44ª edição da Mostra, o público que acompanhou os filmes pela internet montou, como de hábito, uma seleção heterogênea – na lista de 15 finalistas, há desde documentários como 17 Quadras, de Davy Rothbart, que acompanha ao longo dos anos a tragédia de uma família que vive em Washington (a 17 quadras do centro do poder) até ficções que mostram ritos de passagem – como Mosquito, do João Nuno Pinto, sobre o soldado português que luta na Primeira Guerra Mundial na África, período em que descobre suas fragilidades e também sua força.

Advertisement

O júri é formado pelo diretor Felipe Hirsch, que transita no teatro e no cinema, pela produtora Sara Silveira, nome fundamental da produção cinematográfica brasileira, e de Cristina Amaral, uma das principais montadoras de filmes do País. Os premiados por esse trio serão conhecidos no dia 4 de novembro, durante a cerimônia de encerramento da 44ª Mostra, que ocorrerá às 20h, no palco da área externa do Auditório Ibirapuera, antecedendo a exibição do filme de encerramento.

Continua depois da publicidade

Os filmes mais votados pelo público:

17 Quadras, de Davy Rothbart (EUA)

Al- Shafaq – Quando o Céu se Divide, de Esen Isik (Suíça)

Continua depois da publicidade

Casulo, de Leonie Krippendorff (Alemanha)

Chico Rei Entre Nós, de Joyce Prado (Brasil)

De Volta Para Casa – Marina Abramovic e Seus Filhos, de Boris Miljkovic (Sérvia)

Eyimofe (Esse é meu desejo), de Arie Esiri e Chuko Esiri (Nigéria)

Feels Good Man, de Arthur Jones (EUA)

Filho de Boi, de Haroldo Borges (Brasil)

Josep, de Aurel (França, Espanha e Bélgica)

Mãe de Aluguel, de Jeremy Hersh (EUA)

Mar de Dentro, de Dainara Toffoli (Brasil)

Mosquito, de João Nuno Pinto (Portugal, Brasil e França)

O Livro dos Prazeres, de Marcela Lordy (Brasil e Argentina)

Problemas com a Natureza, de Illum Jacobi (Dinamarca e França)

Valentina, de Cássio Pereira dos Santos (Brasil)

Ubiratan Brasil
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.