Segurança

Polícia prende suspeitos de 16 e 17 anos que mataram trabalhador durante assalto em Guaçuí 

COMPARTILHE
4265
Advertisement
Advertisement

Foram apreendidos na manhã desta quarta-feira (23), pela Polícia Civil, os autores do latrocínio – roubo seguido de morte – ocorrido na tarde de ontem, na Rua do Norte, em Guaçuí. Um representante de polpa de frutas, morador de Mimoso do Sul, que estava trabalhando no momento do crime foi rendido e morto a tiros pelos criminosos que queriam dinheiro.

Continua depois da publicidade

Os suspeitos, de 16 e 17 anos, foram localizados escondidos numa casa na localidade da Lagoa, no bairro São Miguel, em Guaçuí. Eles confessaram ser os autores crime que vitimou o trabalhador Edimar Ferreira. De acordo com populares, a vítima não teria entregado o dinheiro aos assaltantes, que efetuaram, ao menos, cinco disparos contra o vendedor, que ficou caído na frente do veículo de trabalho próximo a uma loja de acessórios de carros.

No momento da prisão, foi feito um cerco na casa, que estava vigiada por um cachorro da raça Pitbull, mesmo assim, os policiais conseguiram entrar e detiveram os suspeitos.

Ainda de acordo com a PC, os adolescentes contaram que foram praticar o assalto, e suspeitaram que a vítima iria reagir, então fizeram os disparos. A arma utilizada no crime foi jogada em um rio, que fica localizado próximo a casa em que estavam.

Continua depois da publicidade

Os dois foram levados para a Delegacia de Guaçuí, onde foi lavrado um Auto Infracional de Adolescente Infrator e, em seguida, os dois serão apresentados ao Ministério Público.

 

Advertisement
Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here