Cidades

PF cumpre mandados na Secretaria de Educação de Cachoeiro

COMPARTILHE
Foto: Ilustrativa
2674
Advertisement
Advertisement

A Polícia Federal deflagrou mais uma fase da operação Snack Zero na manhã desta quarta-feira (16), em Cachoeiro de Itapemirim, tendo como alvo a Secretaria Municipal de Educação, o Centro de Manutenção Urbana (CMU) da Prefeitura e empresários. Mandados também estão sendo cumpridos em outros.

Continua depois da publicidade

A ação apura indícios de esquema de compra de produtos alimentícios vencidos para escolas com a participação de empresas que superfaturavam a mercadoria e combinavam entre si o tabelamento dos preços.

Na primeira fase, em fevereiro de 2019, a operação foi realizada em oito municípios capixabas e nove empresas e quatro empresários investigados, após denúncias que chegaram à PF no final de 2017, apontando irregularidades na aplicação de recursos oriundos do Ministério da Educação (MEC).

Algumas delas pertenciam ao mesmo dono e concorriam com preços combinados.

Continua depois da publicidade

Em nota, a Prefeitura de Cachoeiro informou que ainda não teve acesso ao processo. “A Procuradoria Geral do Município (PGM) vai averiguar o que se trata para definir quais providências serão adotadas. A prefeitura deixa claro que está a disposição dos órgãos de controle para quaisquer esclarecimentos”.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.