Cidades

Covid-19: Prefeitura de Cachoeiro realizou quase 2,5 mil vistorias em agosto

COMPARTILHE
Divulgação PMCI
49
Advertisement
Advertisement

A equipe de Fiscalização da Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim realizou, em agosto, 2.465 vistorias a estabelecimentos, em 379 visitas a bairros e distritos, para verificar o cumprimento das medidas restritivas para combate à Covid-19. O trabalho resultou em 23 notificações expedidas.

Continua depois da publicidade

O número total de vistorias inclui um trabalho de conscientização direcionado a clientes e proprietários de estabelecimentos de alimentação, realizado junto à Guarda Civil Municipal (GCM). Também em agosto, foram apuradas 176 denúncias oriundas do Disk Aglomeração, resultando em 11 notificações.

Desde março, quando começaram a ser aplicadas as medidas de combate à Covid-19, a Fiscalização já realizou 12.013 vistorias, apurou 2.442 denúncias, expediu 1.049 notificações e fez 22 suspensões de estabelecimentos.

153 e 156

Caso sejam presenciadas atitudes de desrespeito a medidas restritivas, como aglomeração em comércio ou áreas públicas, a população pode acionar o Disk Aglomeração e contribuir com o trabalho do poder público. Para isso, basta ligar para o telefone 153 ou registrar a denúncia por meio do site cachoeiro.es.gov.br/ouvidoriageral (clicando no ícone Disk Aglomeração). A central funciona 24 horas.

Continua depois da publicidade

Para manifestações relacionadas a serviços públicos em geral, como pedidos de limpeza de ruas ou denúncias de irregularidades, os cidadãos devem acionar a Ouvidoria Geral do Município, que funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. O atendimento se dá por meio do telefone 156, pelo site cachoeiro.es.gov.br/ouvidoriageral, pelo e-mail [email protected] ou através do aplicativo de celular “TodosJuntos”, que pode ser baixado gratuitamente.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: (28) 3521-7726, [email protected].