Economia

Saída de dólar supera entrada em US$ 15,784 bi no ano até 11 de setembro, diz BC

COMPARTILHE
7
Advertisement
Advertisement

O fluxo cambial do ano até 11 de setembro ficou negativo em US$ 15,784 bilhões, informou nesta quarta-feira, 16, o Banco Central. Em igual período do ano passado, o resultado era negativo em US$ 8,914 bilhões. Os dados anuais refletem, em grande parte, os efeitos da pandemia do novo coronavírus sobre o fluxo de moeda estrangeira, em especial no mês de março.

Continua depois da publicidade

A saída pelo canal financeiro neste ano até 11 de setembro foi de US$ 48,528 bilhões. O resultado é fruto de aportes no valor de

US$ 335,579 bilhões e de envios no total de US$ 384,108 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo anual acumulado até 11 de setembro ficou positivo em US$ 32,745 bilhões, com importações de US$ 107,424 bilhões e exportações de US$ 140,169 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 18,987 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 50,694 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 70,488 bilhões em outras entradas.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Setembro

Depois de encerrar agosto com entradas líquidas de US$ 602 milhões, o País registrou fluxo cambial negativo de US$ 568 milhões em setembro até o dia 11.

O canal financeiro apresentou saídas líquidas de US$ 880 milhões em setembro até o dia 11. Isso é resultado de aportes no valor de US$ 10,810 bilhões e de retiradas no total de US$ 11,690 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

Continua depois da publicidade

No comércio exterior, o saldo de setembro até o dia 11 é positivo em US$ 312 milhões, com importações de US$ 5,075 bilhões e exportações de US$ 5,386 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 509 milhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 1,104 bilhão em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 3,774 bilhões em outras entradas.

Semana

O fluxo cambial registrado na semana passada (de 8 a 11 de agosto) para o Brasil ficou negativo em US$ 89 milhões.

O canal financeiro apresentou saída líquida de US$ 553 milhões na semana, resultado de aportes no valor de US$ 4,763 bilhões e de envios no total de US$ 5,316 bilhões. Este segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo na semana passada ficou positivo em US$ 641 milhões, com importações de US$ 2,510 bilhões e exportações de US$ 3,152 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 239 milhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 482 milhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 2,430 bilhões em outras entradas.

Fabrício de Castro
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.