Segurança

Quatro presos prestam depoimento à Força Tarefa sobre ataques a ônibus na Grande Vitória

COMPARTILHE
Foto: divulgação/Sesp
118
Advertisement
Advertisement

A Secretaria de Segurança Pública (SESP) avança nas investigações sobre os ataques a coletivos registrados nas últimas semanas na Grande Vitória.  Nesta sexta-feira (31), uma Força Tarefa foi criada, unindo a Superintendência de Polícia Especializada (SPE) e a Superintendência de Inteligência e Ações Estratégicas (SIAE), ambas da Polícia Civil.

Continua depois da publicidade

A Força Tarefa trabalha conjuntamente com os serviços de inteligência da SESP, da Polícia Militar e da Secretaria de Justiça (SEJUS), realizando levantamentos sobre a autoria dos ataques. Nesta sexta, uma equipe da Força Tarefa esteve na Penitenciária de Segurança Máxima II, em Viana, e colheu depoimentos de quatro internos.

Concomitantemente, equipes da Polícia Civil realizaram abordagens a coletivos e da Polícia Militar intensificaram o patrulhamento em áreas vulneráveis. Em Santo André, Cariacica, uma guarnição da PM identificou uma dupla de motocileta, em atitude suspeita, carregando um galão de combustível. Ao verem os policiais, os indivíduos fugiram e não foram mais localizados.

As investigações seguem em andamento. A população pode contribuir com informações de forma anônima, por meio do Disque-Denúncia 181 ou pelo site disquedenuncia181.es.gov.br.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.