Cidades

Médica mineira que trabalhava no ES morre aos 27 anos de Covid 

COMPARTILHE
2676
Advertisement
Advertisement

Aos 27 anos, a família de Paloma Alves dos Santos, viu os sonhos da jovem médica ir embora. Moradora de Nanuque, em Minas Gerais, Paloma fazia plantões em cidades do ES, como Ponto Belo, Mucurici e Montanha.

Continua depois da publicidade

Paloma morreu em decorrência de complicações causadas pela Covid-19 e, provavelmente, se infectou tralhando. Ela faleceu nesta quinta-feira (13), em um hospital de Teófilo Otoni, em Minas, onde estava internada há 15 dias. Ela estava intubada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e seu estado de saúde se agravou rapidamente.

Mineira, a jovem se formou em medicina em 2018, em uma faculdade particular de Colatina, no ES. A faculdade, em nota, lamentou a morte precoce da jovem.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.