Segurança

PM assessor de Capitão Assumção é assassinado a tiros em Vila Velha 

COMPARTILHE
1147
Advertisement
Advertisement

O policial militar da reserva, Mário André do Carmo Morandi – e também assessor no gabinete do deputado estadual Capitão Assumção – foi assassinado a tiros na tarde desta terça-feira (7), após sair de dentro de uma padaria onde fazia compras, no bairro Itapoã, em Vila Velha.

Continua depois da publicidade

Moradores relataram a polícia que ouviram, ao menos, cinco disparos de arma de fogo. Ainda segundo testemunhas dois carros passaram pelo militar e os ocupantes efetuaram diversos disparos. O crime ocorreu por volta das 17h30.

Mário André morreu no local, antes da chegada do socorro. Ele era lotado no gabinete do parlamentar desde fevereiro de 2019 e trabalhava em regime comissionado.

Um dos carros usados no crime, um Toyotta Corolla, foi encontrado ainda na noite de ontem, totalmente queimado, na Rodovia Leste Oeste. A polícia busca, agora, a autoria do crime e a motivação para a morte do policial.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.