Coronavírus

Covid-19: ES tem recorde com 36 mortes e 866 casos registrados em 24 horas

COMPARTILHE
645
Advertisement
Advertisement

O Espírito Santo confirmou mais 866 casos do novo coronavírus e 36 mortes nas últimas 24 horas. Os dados foram atualizados na tarde desta terça-feira (2) pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Sul do ES e Caparaó registram cinco novas mortes por Covid-19; veja os números de cada cidade

As regiões Sul e do Caparaó registraram, neste domingo (12), cinco mortes por Covid-19....

Cachoeiro de Itapemirim tem duas novas mortes por Covid-19; ES registra total de mais de duas mil mortes

Cachoeiro de Itapemirim registrou, neste domingo (12), duas novas mortes por Covid-19, somando 84...

Treze ciganos já morreram de Covid-19 no país; uma das mortes foi no ES

A histórica situação de vulnerabilidade das comunidades ciganas no Brasil tem cobrado seu preço...

O Estado já totaliza 15.151 infectados pela doença, sendo 8.434 curados e 664 mortes.

Lideram em casos no ES os municípios de Serra com 2.759 infectados, Vitória com 2.675 e Vila Velha com 2.671.

Advertisement

Saiba como se proteger do coronavírus

Continua depois da publicidade

A doença é transmitida por gotículas de saliva e catarro que se espalham pelo ambiente. Como até o momento não há tratamento específico para a doença, é fundamental manter alguns cuidados como o isolamento social e uso de máscara, recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e a etiqueta respiratória:

– Lavar as mãos frequentemente por pelo menos 20 segundos com água e sabão;

– Utilizar antisséptico de mãos à base de álcool para higienização;

– Cobrir com a parte interna do cotovelo a boca e o nariz ao tossir ou espirrar;

Advertisement

– Utilizar lenço descartável para higiene nasal;

– Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

– Não compartilhar objetos de uso pessoal;

– Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.