Coronavírus

Casos de Covid-19 em idosos que residem em asilos no ES aumentam 67% em uma semana

COMPARTILHE
121
Advertisement
Advertisement

O número de casos de contaminação pela Covid-19 entre idosos residentes em asilos de seis cidades do Espírito Santo  aumentou 67,5% entre os dias 22 e 29 de maio. Nesse período, o total de pessoas idosas infectadas pelo novo coronavírus passou de 40 para 67. O maior aumento, de 275%, foi registrado no município da Serra, com um salto de 4 para 15 casos no período. Em Vila Velha, onde a elevação foi de 100%, o total passou de 11 para 22 casos.   Os dados fazem parte de um monitoramento realizado pela equipe do Centro de Apoio Cível e Defesa da Cidadania (CACC) do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES).

Sul do ES e Caparaó registram cinco novas mortes por Covid-19; veja os números de cada cidade

As regiões Sul e do Caparaó registraram, neste domingo (12), cinco mortes por Covid-19....

Cachoeiro de Itapemirim tem duas novas mortes por Covid-19; ES registra total de mais de duas mil mortes

Cachoeiro de Itapemirim registrou, neste domingo (12), duas novas mortes por Covid-19, somando 84...

Treze ciganos já morreram de Covid-19 no país; uma das mortes foi no ES

A histórica situação de vulnerabilidade das comunidades ciganas no Brasil tem cobrado seu preço...

Em Vitória, foram identificados 20 idosos com a Covid-19 em Instituições de Longa Permanência (ILPIs) entre 16 de abril e 22 de maio. O total chegou a 25 na última semana de maio. Houve ainda 16 óbitos de idosos, um aumento de 33,3%, registrados nos municípios de Vitória (8), Vila Velha (3), Serra (3), Aracruz (1) e Alfredo Chaves (1), entre 22 e 29 de maio. Na semana anterior, foram registrados 12 óbitos. Já entre os funcionários das instituições, houve o registro de 66 casos de contaminação pelo novo coronavírus, nessa verificação mais recente. Na fiscalização anterior, 46 trabalhadores tinham contraído a doença. Os dados foram fornecidos pelas próprias instituições fiscalizadas pelo MPES duas vezes por semana, às segundas e quintas-feiras, por meio de um formulário eletrônico.

Imediatamente após receber as informações das ILPIs, o MPES aciona as Secretarias de Saúde e de Assistência Social, tanto a Estadual quanto as municipais, para que adotem as medidas necessárias. Paralelo a isso, o MP exige a apresentação de um Plano de Contingência de cada ILPI, de forma que as medidas preventivas sejam adotadas para minimizar os riscos das pessoas vulneráveis. O Ministério Público Estadual tem envidado esforços para que todas as instituições sejam abastecidas com os equipamentos de proteção individual (EPIs) necessários, bem como para que os funcionários sejam capacitados para enfrentar a pandemia. Tem requisitado, ainda, que os municípios adotem providências alternativas à institucionalização de novos idosos nas ILPIs já em funcionamento, uma vez que um novo acolhimento pode representar risco para os idosos já residentes.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Painel

Em todo o Estado, o aumento de casos totais confirmados de COVID-19 foi de 15,48% no mesmo intervalo de tempo (11.799 casos em 22/05, e 13.626 casos em 29/05), conforme dados do Painel COVID-19 do Governo do Estado (https://coronavirus.es.gov.br/painel-covid-19-es).

A fiscalização de instituições que acolhem pessoas idosas é atividade rotineira do Ministério Público Estadual, realizada anteriormente à pandemia do novo coronavírus. No entanto, foi acrescida de empenho e esforços, pois a população idosa residente em instituição representa grande número de mortos decorrentes da Covid-19, segundo as estatísticas divulgadas pela Organização Mundial de Saúde.

Desde 16 de abril de 2020, o CACC realiza a análise das instituições registradas no sistema do MPES, localizadas em 36 municípios do Espírito Santo, sendo eles: Vitória, Vila Velha, Serra, Cariacica, Afonso Cláudio, Alegre, Alfredo Chaves, Aracruz, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Bom Jesus do Norte, Cachoeiro de Itapemirim, Castelo, Colatina, Ecoporanga, Guaçuí, Guarapari, Iconha, Irupi, Jeronimo Monteiro, Linhares, Mantenópolis, Marataízes, Marechal Floriano, Mimoso do Sul, Montanha, Muqui, Nova Venécia, Pinheiros, Piúma, Santa Teresa, São Gabriel da Palha, São José do Calçado, São Mateus, Vargem Alta e Viana.

Advertisement

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.