Geral

Prazo para coleta do Censo Escolar 2020 foi ampliado por conta da pandemia

Coordenações estaduais terão 87 dias para enviar informações

COMPARTILHE
40
Advertisement
Advertisement

As diretrizes para a coleta de dados do Censo Escolar 2020 foram alteradas por conta da pandemia do coronavírus. Com isso, o prazo foi ampliado para 87 dias – antes o sistema ficava aberto apenas por dois meses. Os representantes das escolas públicas e privadas da educação básica do país já podem acessar o Sistema Educacenso para a declaração das informações, que foi liberado para acesso ontem, 27, e ficará aberto até 21 de agosto desse ano.

Brasil registra média diária de 1.036 mortes por covid-19

Nos últimos sete dias, o Brasil registrou uma média diária de 1.036 mortes por...

Estado do Rio registra 9 novos casos e 9 mortes pela covid-19 neste domingo

O Estado do Rio de Janeiro registrou 9 mortes por covid-19 e 9 novos...

São Paulo tem mais de 370 mil casos confirmados do novo coronavírus

São Paulo já tem mais de 370 mil casos confirmados do novo coronavírus. De...

A decisão publicada no início da semana, no Diário Oficial da União, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC), também modificou o período de referência para considerar as matrículas. As instituições terão que considerar o dia 11 de março de 2020 – período anterior ao início da suspensão das aulas por conta do isolamento social – como data de corte. Dessa maneira, os dados sobre as matrículas declaradas ao Censo Escolar 2020 devem ter como referência essa data.

A coordenadora-geral do Censo Escolar no Inep, Célia Gedeon, explicou, em nota, que diferentes decretos foram estudados para traçar o cenário objetivo das datas de suspensão das aulas durante a pandemia, considerando ainda a dinâmica da declaração das matrículas no ano passado para desenhar a proposta mais indicada, com máxima antecipação do início de coleta e término mais tardio possível.

Advertisement
Continua depois da publicidade

O Censo

São abrangidas pelo Censo as diferentes modalidades e etapas da educação básica e profissional como:

– Ensino regular (educação infantil, ensino fundamental e médio);

– Educação especial – modalidade substitutiva; educação de jovens e adultos (EJA);

Advertisement

– Educação profissional (cursos técnicos e cursos de formação inicial continuada ou qualificação profissional).

Os dados obtidos através do Censo Escolar baseiam os cálculos de indicadores que servem para explicar a situação educacional do Brasil, tais como: Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (ldeb), as taxas de rendimento e de fluxo escolar, a distorção idade-série, entre outros. O Censo é coordenado pelo Inep e feito, anualmente, em parceria com as secretarias estaduais e municipais de Educação.

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.