Cidades

Covid-19: 17 mil cachoeirenses vão testar para identificar contato com vírus

COMPARTILHE
Foto: Talles Thompson / Impacto Aéreo
1186
Advertisement
Advertisement

Em Cachoeiro de Itapemirim, cerca de 17 mil pessoas receberão testes rápidos para o novo coronavírus. O início do trabalho está previsto para o dia 10 de maio, sendo executado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus), a partir de uma estratégia elaborada junto à Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e ao Colegiado de Secretarias Municipais de Saúde do Espírito Santo (COSEMS/ES)

Continua depois da publicidade

Ação faz parte do Inquérito Sorológico, uma pesquisa em quatro etapas da Sesa, que consiste em testar uma amostra da população que seja representante do todo e, com isso, fazer uma projeção estatística do grau de propagação do vírus no estado. Ao todo, 27 municípios capixabas foram selecionados para a pesquisa.

Se algum dos testes der positivo, o paciente receberá acompanhamento e orientações sobre isolamento social, e as pessoas de seu convívio mais próximo também serão testadas. Além dos testes, os participantes responderão a um questionário com informações básicas sobre a doença.

A seleção de pessoas contemplará os mais de 300 pacientes com sintomas gripais já acompanhados pela Semus e outros moradores escolhidos aleatoriamente, em bairros e distritos a serem definidos. Para realizar esse trabalho, haverá dez equipes da Semus, totalizando 30 profissionais de saúde

Continua depois da publicidade

“A Sesa enviará os materiais para Cachoeiro, e o treinamento das equipes começará nos próximos dias. A pesquisa se dará em quatro etapas, não serão testadas 17 mil pessoas de uma vez. Ao final, certamente teremos um retrato muito mais claro da covid-19 no município”, destaca a secretária municipal de Saúde, Luciara Botelho.

Barreira sanitária

No sul do Espírito Santo, o governo estadual preconiza a realização de barreiras sanitárias nos municípios, sobretudo em locais de divisa com outros estados, como Rio de Janeiro. Cachoeiro, porém, tem a particularidade de ter hospitais de referência (Santa Casa, Hospital Evangélico e Hospital Infantil), o que torna inviável impedir as pessoas de entrarem na cidade.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Ainda assim, a Prefeitura de Cachoeiro deverá realizar, a partir de 20 de maio, barreiras sanitárias em dez locais dentro do município, nas quais haverá medição de temperatura de condutores para averiguar se apresentam febre – um dos sintomas do novo coronavírus – e distribuição de materiais educativos. O município se organiza na aquisição dos termômetros necessários para a ação.

Casos confirmados

As oito pessoas com diagnóstico confirmado de covid-19 em Cachoeiro já estão curadas. A Semus realizou o acompanhando dos pacientes durante todo o período de adoecimento. Também foram feitos testes em pessoas próximas que apresentavam sintomas gripais, e o diagnóstico positivo se restringiu a esses oito pacientes.

Caso apresente sintomas gripais, entre em contato com a Secretaria Municipal de Saúde por meio da Ouvidoria Geral do SUS, pela página no portal da prefeitura ou pelos telefones 0800 081 1696 e (28) 3521-1696 – atendimento de segunda a sexta, das 8h às 16h. Outra opção é o aplicativo de celular TodosJuntos, da Ouvidoria Geral do Município, que pode ser baixado gratuitamente.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].