Esporte Nacional

Enderson prevê acesso do Cruzeiro no fim do ano, mas avisa: 'Vai ser difícil'

COMPARTILHE
10
Advertisement
Advertisement

Em sua apresentação como novo técnico do Cruzeiro, nesta quinta-feira, Enderson Moreira demonstrou otimismo quanto ao sucesso da equipe na Série B do Campeonato Brasileiro, mas avisou: “Não vai ser fácil.” Durante trinta minutos, o treinador também falou das características dos reforços pretendidos para o elenco, que precisa também melhorar seu desempenho no Campeonato Mineiro, competição na qual ocupa apenas a quinta colocação.

Mudança nos Jogos de Tóquio atrapalha planos e adia aposentadoria de veteranos

O adiamento dos Jogos de Tóquio também trouxe dor de cabeça para os atletas....

Adiamento da Olimpíada ajuda brasileiros pegos no doping, lesionados e novatos

A mudança da data dos Jogos de Tóquio fez alguns atletas brasileiros recuperarem a...

Goleiro turco adversário do Brasil na Copa de 2002 é diagnosticado com covid-19

Rustu Recber, goleiro da seleção turca, que enfrentou e perdeu duas vezes para o...

“Que nós possamos resgatar o jogo do Cruzeiro. Que o torcedor tenha orgulho de ver o time que o represente em campo. Essas são as nossas responsabilidades. Sei muito bem daquilo que me espera, das cobranças, do que está por vir. Tenho consciência que não vai ser fácil. Mas o trabalho conjunto, junto do conselho gestor, tenho expectativa enorme para que a gente possa que o ano de reconstrução possa marcar os próximos anos do Cruzeiro”, afirmou o técnico, que vai tentar reconstruir o time, rebaixado ano passado no Campeonato Brasileiro.

Sem especificar posições, Enderson revelou que já teve uma primeira reunião com a diretoria e traçou alguns planos para reforçar a equipe com contratações pontuais. “Já passei as ideias que tenho, jogadores com perfil interessante. Não quero trazer jogadores que tenham perfil apenas para uma Série B, quero trazer jogadores com perfil da Série A, que possam participar muito bem de uma Série B, é importante que a gente tenha esse perfil (de Série A).”

Advertisement
Advertisement
Continua depois da publicidade

O técnico, que estava no Ceará, tem aproveitado o período de isolamento e paralisação dos campeonatos para assistir aos jogos do Cruzeiro na temporada e já traça objetivos a serem conseguidos dentro de campo. “Estou avaliando o elenco. Temos um tempo razoável para assistir aos jogos, assistir em câmara aberta, para ter visão da questão tática. Já tenho noção boa de alguns atletas, temos jovens que carecem um pouco mais de convívio, para poder conhecê-los, entender as características dos atletas. Teremos ainda momentos de dificuldades na temporada. Mas tenho convicção que poderemos dar resposta boa. E em 2021 possa entrar com perspectiva. Que o Cruzeiro possa celebrar o centenário da melhor forma possível.”

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement