Geral

Agricultura esclarece: lotes contaminados da cerveja Backer são 53, e não 55

COMPARTILHE
17
Advertisement
Advertisement

O Ministério da Agricultura corrigiu nesta quarta-feira, 19, uma informação que havia divulgado na terça-feira, 18, sobre os lotes contaminados da cervejaria Backer. Segundo nota da pasta, são 53 lotes contaminados por monoetilenoglicol e/ou dietilenoglicol, e não 55, como havia informado anteriormente. A contaminação foi detectada pelo Laboratório Federal de Defesa Agropecuária, vinculado ao ministério.

Fotos microscópicas mostram exato momento de infecção de célula pelo coronavírus

Imagens de microscopia eletrônica inéditas no Brasil mostram o exato momento em que uma...

Rio chega a 106 mortes por covid-19; pelo menos 1.938 pessoas foram infectadas

Dezessete pessoas morreram de covid-19 e 250 novos casos da doença foram confirmados no...

DOU extra: MP abre crédito extraordinário de R$ 2,6 bilhões para Saúde

O governo federal abriu novo crédito extraordinário, no valor de R$ 2,6 bilhões, em...

Ao todo, 12 rótulos da cervejaria apresentaram amostras contaminadas: Belorizontina, Backer Pilsen, Backer Trigo, Brown, Backer D2, Capixaba, Capitão Senra, Corleone, Fargo 46, Layback D2, Pele Vermelha e Três Lobos Pilsen.

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement
Advertisement
Continua depois da publicidade