Cidades

Oito cidades do Sul do Espírito Santo tiveram mudança de prefeitos nos últimos três anos

COMPARTILHE
734
Advertisement
Advertisement

Oito cidades do Sul do Espírito Santo tiveram mudança de prefeitos nos últimos três anos, segundo apurou a reportagem do AQUINOTICIAS.COM. A maioria dos casos foi por conta de cassação ou afastamento do cargo, em ações de improbidade administrativa.

Feirão da Solidariedade em Cachoeiro tem produtos com 30% de desconto e até preço de custo

Começou, nesta terça-feira (18), o “Feirão da Solidariedade”, organizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento...

Avenidas centrais de Guaçuí ganham nova iluminação

A Prefeitura de Guaçuí, por meio da Secretaria Municipal de Obras, Infraestrutura e Serviços...

Centros culturais de Cachoeiro oferecem oficinas artísticas gratuitas

Os centros culturais de Cachoeiro de Itapemirim serão utilizados para várias oficinas artísticas gratuitas...

Somente em 2019, houve mudança de gestores em cinco prefeituras da região.

Confira abaixo!

Advertisement

Itapemirim                  

No dia 26 de abril de 2017, a Segunda Câmara Criminal do Tribunal de Justiça (TJES) afastou do cargo de prefeito de Itapemirim, Luciano Paiva (Pros)
No dia 26 de abril de 2017, o Tribunal de Justiça (TJES) afastou do cargo de prefeito de Itapemirim, Luciano Paiva (Pros)
Continua depois da publicidade

No dia 26 de abril de 2017, a Segunda Câmara Criminal do Tribunal de Justiça (TJES) afastou do cargo de prefeito de Itapemirim, Luciano Paiva (Pros), que iniciava seu segundo mandato. Quem assumiu a cadeira do Executivo foi o vice-prefeito Thiago Peçanha (PSDB), que segue no comando da Prefeitura.

Muqui

Em 2 de maio de 2017, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou por unanimidade o recurso impetrado pela defesa do prefeito eleito em Muqui em 2016, Frei Paulão (PSB)

Em 2 de maio de 2017, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou por unanimidade o recurso impetrado pela defesa do prefeito eleito em Muqui em 2016, Frei Paulão (PSB). O socialista foi considerado inelegível pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), já que teve as contas rejeitadas em decorrência de aquisição de ambulâncias de forma irregular.

Novas eleições foram realizadas naquele ano e Renato Prúcoli (PTB) saiu vitorioso nas urnas, seguindo até hoje no comando do Executivo.

Atílio Vivácqua

Em 17 de janeiro de 2018, o prefeito de Atílio Vivácqua, Almir Lima Barros (PSB), morreu vítima de um câncer

Em 17 de janeiro de 2018, o prefeito de Atílio Vivácqua, Almir Lima Barros (PSB), morreu aos 53 anos vítima de um câncer. Que assumiu a vaga deixada por ele foi o vice-prefeito Josemar Machado Fernandes (PDT).

Advertisement

Irupi

No dia 8 de março de 2019, o TRE decidiu cassar o mandato do prefeito de Irupi, Carlos Emerick (PSDB)

No dia 8 de março de 2019, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) decidiu cassar o mandato do prefeito de Irupi, Carlos Henrique Emerick Storck (PSDB), e de seu vice, Leandro Purcino de Almeida (PSDB).

O Ministério Público apontou que o prefeito e o vice praticaram conduta vedada, por conta de um casamento comunitário, de 50 casais, promovido pela administração municipal “com a utilização de serviços públicos, visando à promoção do candidato à prefeitura.

Novas eleições foram realizadas e Edmilson Meireles (MDB) foi eleito o novo prefeito no dia 5 de maio.

Presidente Kennedy

Em 8 de maio de 2019, a prefeita de Presidente Kennedy, Amanda Quinta foi presa e afastada do cargo

Em 8 de maio de 2019, a prefeita de Presidente Kennedy, Amanda Quinta (sem partido), foi presa durante a “Operação Rubi”, desencadeada pelo Ministério Público Estadual e afastada do cargo. No dia 17 de setembro ela conseguiu a liberdade, mas a Justiça manteve seu afastamento até o mês de fevereiro deste ano, podendo ser prorrogado.

Quem está no comando da prefeitura desde de maio é o vice-prefeito Dorlei Fontão (PSD).

Venda Nova do Imigrante

No dia 27 anos, morreu o prefeito de Venda Nova do Imigrante, Braz Delpupo (DEM)

No dia 27 anos, aos 71 anos, morreu o prefeito de Venda Nova do Imigrante, Braz Delpupo (DEM), vítima de infarto. Em seu lugar assumiu o vice, Paulinho Mineti (Pros).

Castelo

No dia 8 de agosto de 2019, o prefeito de Castelo Luiz Carlos Piassi (MDB) teve seu mandato cassado pelo TSE – Foto: Wanderson Amorim

No dia 8 de agosto de 2019, o prefeito de Castelo Luiz Carlos Piassi (MDB) teve seu mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Novas eleições foram realizadas no dia 27 de outubro e o então presidente da Câmara Municipal, Domingos Fracaroli (PSDB), que estava interinamente como chefe do Executivo, foi eleito prefeito.

Piúma

 

Professor Ricardo (PDT) foi afastado do cargo de prefeito de Piúma por 90 dias no dia 17 de outubro – Foto: Espírito Santo Notícias

A última prefeitura que teve mudança na gestão foi a de Piúma. Professor Ricardo (PDT) foi afastado do cargo por 90 dias no dia 17 de outubro, durante a segunda fase da “Operação Rubi”, desencadeada pelo MPES. Quem segue na gestão do Executivo é a vice-prefeita Martha Scherrer (PEN).

Advertisement