Economia

BC chinês injeta US$ 58 bilhões no sistema financeiro

COMPARTILHE
13
Advertisement
Advertisement

O Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) injetou nesta quarta-feira 400 bilhões de yuans (US$ 58,1 bilhões) em liquidez no sistema financeiro, com o objetivo de manter ampla disponibilidade de recursos antes do feriado chinês do ano-novo lunar.

Transição para energia limpa afetará toda a indústria petrolífera, diz AIE

A transição para fontes de energia limpa (ou renovável) envolverá toda a indústria do...

Lei Orçamentária de 2020 é publicada

O Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 20, publica a Lei 13.978/2020, a...

Previsão para superávit comercial de 2020 sobe para US$ 37,40 bi no Focus do BC

Os economistas do mercado financeiro alteraram a projeção para a balança comercial em 2020...

O PBoC informou que injetou 300 bilhões de yuans por meio de uma linha de crédito de médio prazo, com vencimento de 1 ano e taxa de juros a 3,25%.

Além disso, o BC chinês ofereceu mais 100 bilhões de yuans em contratos de recompra reversa de 14 dias que cobram juros de 2,65%.

Advertisement
Advertisement
Continua depois da publicidade

A iniciativa veio depois de o PBoC liberar bilhões de yuans para o sistema financeiro através de um corte de compulsório bancário anunciado no começo do mês.

A demanda por recursos financeiros na China normalmente ganha força antes de feriados. Fonte: Dow Jones Newswires.

Pequim
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement
Publicidade