Economia

Ministério da Economia eleva previsão para IPCA em 2020 de 3,53% para 3,62%

COMPARTILHE
10
Advertisement
Advertisement

O Ministério da Economia revisou para cima sua projeção para a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2020. De acordo com a nova grade de parâmetros macroeconômicos da pasta, a estimativa para a alta de preços neste ano passou de 3,53% para 3,62%.

Brasil anuncia acordo de cooperação técnica com Alemanha no setor agrícola

Brasil e Alemanha assinaram neste sábado, 18, em Berlim, um acordo de cooperação técnica...

Bolsonaro afirma que governo teve decisão difícil sobre energia solar

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou neste sábado, 18, durante evento da Aliança...

'Fintechs entregam o que o cliente quer', diz sócio do Neon

O banco digital Neon, que em novembro recebeu um aporte de R$ 400 milhões...

No último relatório Focus, os analistas de mercado consultados pelo Banco Central estimaram que o IPCA deve acumular uma alta de 3,58% em 2020.

Já a projeção oficial do BC no cenário de mercado aponta para um IPCA de 3,5% neste ano, conforme o Relatório Trimestral de Inflação publicado em dezembro do ano passado.

Advertisement
Advertisement
Continua depois da publicidade

Todas as projeções para a inflação estão abaixo do centro da meta de 2020, de 4,00%, sendo que a margem de tolerância é de 1,5 ponto porcentual (índice de 2,50% a 5,50%).

O Ministério da Economia também atualizou a projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) – utilizado para a correção do salário mínimo. De acordo com a nova grade de parâmetros macroeconômicos da pasta, a estimativa para a alta do indicador neste ano passou de 3,54% para 3,73%.

Já a estimativa da Economia para a alta do Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) em 2020 passou de 4,20% para 4,32%.

Eduardo Rodrigues e Fabrício de Castro
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement
Publicidade