Economia

Seis em cada 10 empresários pretendem investir nos próximos 12 meses, mostra estudo

COMPARTILHE
Businesswoman leader looking at camera in modern office with businesspeople working at the background. Teamwork concept. Muslim woman.
22
Advertisement
Advertisement

O Estudo Sondagem Conjuntural elaborado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com dados de setembro, mostra a retomada do otimismo entre os donos de micro e pequenas empresas e indica que praticamente seis em cada 10 empresários (58%) têm planos de investir no próprio negócio nos próximos 12 meses.

Caixa anuncia nova data para saque do FGTS

Em live no Facebook do presidente Jair Bolsonaro nesta quinta-feira, 12, o presidente da...

Bolsas de NY batem recorde de fechamento após notícias sobre acordo EUA-China

As bolsas de Nova York fecharam em alta nesta quinta-feira, 12, com S&P e...

Via Varejo: Investigação vê indícios de fraude com impactos de até R$ 1,4 bi

A investigação independente realizada por um comitê nos balanços da Via Varejo encontrou indícios...

Uma das opções para os empresários investirem são as linhas de crédito do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes). Na instituição, empresários de todo o Estado podem acessar os recursos necessários para o investimento produtivo.

O atendimento personalizado do banco de desenvolvimento capixaba via gerentes de negócio, que atuam por Regiões e por setores econômicos, possibilitam aos empresários, orientações para que possam desenvolver o projeto de financiamento adequado para o plano de negócios pretendido.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Esta forma de atuação garante que os projetos analisados pelo Bandes tenham aderência ao planejamento comercial do banco e impacto positivo na economia capixaba, gerando emprego, renda e competitividade do negócio no mercado.

No projeto, o empresário indica a intenção de realizar o empreendimento, apresentando um conjunto de informações, de forma clara e objetiva, para demonstrar a existência de viabilidade. Com isso, o banco consegue estipular a solução de crédito mais adequada para contratação.

Com o projeto de financiamento em mãos, o empresário consegue também identificar as reais necessidades de recursos para atender iniciativas diversas do empreendimento como implantação, ampliação, expansão, relocalização, modernização, diversificação, desenvolvimento tecnológico e gerencial, formalização, racionalização e controle ambiental, bem como o capital de giro associado.

Advertisement

Advertisement
Publicidade