Grande Vitória

Prefeitura de Vila Velha retira mais de 66 toneladas de lixo e planta aquática do Canal Marinho

COMPARTILHE
Divulgação
104
Advertisement
Advertisement

Somente nos últimos dois dias, a Prefeitura de Vila Velha recolheu 66,5 toneladas de resíduos do Canal Marinho, região da Grande Cobilândia. Na terça-feira (19), foram recolhidos 44 toneladas, sendo 26 delas somente de gigogas (planta aquática) e 18 toneladas de lixo.

Pequeno tremor de terra é registrado em cidades do Espírito Santo

 Moradores das cidades de Vitória, Vila Velha e Serra foram surpreendidos por um leve...

Vitória e mais duas cidades são elevadas à categoria de metrópole

As cidades de Vitória (ES), Campinas (SP)  e Florianópolis (SC), antes consideradas capitais regionais,...

Hemoes e 99 garantem viagens gratuitas para incentivar doação de sangue

unho é considerado o mês de conscientização sobre a importância da doação de sangue....

Já na quarta-feira (20), foram retiradas 21 toneladas, sendo 13 delas de gigogas e o demais de lixo de dentro do canal.  Os números são registrados por técnicos e engenheiros da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsu).

Além deste grande volume de resíduos retirado de dentro do canal, as equipes recolheram das margens, durante os dois de limpeza, aproximadamente 1,5 toneladas de lixo. O trabalho de limpeza continua em todos os canais que cortam a cidade.

Advertisement
Continua depois da publicidade

O lixo atrapalha o escoamento da água no período de chuvas, entope bueiros e boca de lobos, prejudica o funcionamento das bombas hidráulicas das três estações de bombeamento, além de causar prejuízos e doenças para população.

As equipes realizam serviços de varrição, capina, poda de árvores, coleta de lixo, limpeza de pontos viciados de lixo, dentre outros serviços. Anualmente, são gastos R$ 6 milhões para limpeza de pontos viciados de lixo na cidade. Este dinheiro público gasto com a limpeza do descarte irregular poderia ser aplicado na construção de Unidades de Saúde e Escolas.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.