Cidades

Crianças vítimas de acidente com ônibus em Cachoeiro recebem alta do hospital

COMPARTILHE
Foto: Wallace Hull
409
Advertisement
Advertisement

As três crianças que ainda estavam internadas no Hospital Materno Infantil de Cachoeiro (Hifa), vítimas do grave acidente com um ônibus de turismo na rodovia Cachoeiro/Vargem, no sábado (2), receberam alta na tarde desta segunda-feira (4). A informação é da assessoria de comunicação da unidade.

Continua depois da publicidade

Um total de 15 crianças deram entrada no Hifa no dia da tragédia, sendo que duas morreram logo após chegarem ao hospital. O acidente provocou a morte de Nayra Emanuele Bispo, 2 anos, sua mãe Vanessa Calisto Bispo,  o motorista do ônibus Adeilson Aparecido Brito e o menino Arthur Brito Dias, 9.

Oito adultos permanecem internados na Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro nesta segunda (4).

O acidente

O ônibus que saiu de Belo Horizonte, em Minas Gerais, com destino a praia de Itaoca, em Itapemirim, e tombou por volta de 12 h, na rodovia que liga Cachoeiro a Vargem Alta. O motorista e a mulher morreram preso às ferragens.

Continua depois da publicidade

Os passageiros feridos com menos gravidade foram levados até os hospitais da região por populares e ambulâncias do município. Já os mais graves foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros.

Os mineiros seguiam com destino a praia de Itaoca, onde passariam o fim de semana e retornariam na noite de domingo (3).

Advertisement
Continua depois da publicidade

Segundo relato de alguns passageiros, o ônibus apresentou problemas durante toda a viagem, mas  ao chegar em Venda Nova do Imigrante, perceberam que os problemas aumentaram, tendo o coletivo parado algumas vezes para ajustes.

Em nota, a empresa responsável pelo coletivo, Alcântara Turismo, informou que desde o momento do acidente está prestando todo o tipo de apoio às vítimas e que já auxiliou no translado dos quatro corpos que já estão com a família para a cerimônia fúnebre e sepultamento.

A empresa informou ainda que está à disposição das autoridades capixabas para esclarecer o ocorrido. O resultado que apontará a causa do acidente deve sair nos próximos 30 dias.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].