Política Regional

AQUINOTICIAS.COM e Instituto Solução divulgam pesquisa de avaliação da administração do prefeito de Divino de São Lourenço

COMPARTILHE
217
Advertisement
Advertisement

O AQUINOTICIAS.COM encomendou ao Instituto Solução uma pesquisa de avaliação da administração do prefeito de Divino de São Lourenço, Eleardo Brasil (MDB). Nos dias 8 e 9 deste mês foram ouvidas 396 pessoas na área urbana e no interior da cidade. O resultado você confere ao longo desta semana.

Soraya Manato quer garantia da sustentação oral em julgamento que antecipa o mérito

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados analisará,...

Marataízes: Tininho contraria clamor popular e aprova aumento de salários de vereadores, prefeito e vice

O prefeito de Marataízes, Robertino Batista, o “Tininho”, contrariou o clamor popular e sancionou...

PL que obriga atendimento prioritário a pessoas com Síndrome de Down é aprovado na Ales

A Assembleia Legislativa do Espírito Santo aprovou nesta quarta-feira (11), o projeto de lei...

Após quase três anos de mandato, Eleardo tem boa avaliação da população, tendo sua administração aprovada pela maioria dos entrevistados. Para 26,01% sua administração é boa ou ótima; 42,17% consideram regular; apenas 13,38% a consideram ruim; e outros 16,16% afirmam ser péssima.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Em relação a presença do prefeito no município, a maioria dos entrevistados considera Eleardo um gestor ausente. Para 53,03% o prefeito é ausente; 39,65% o consideram presente.

Sobre as promessas de campanha, 56,82% dos entrevistados acreditam que Eleardo Brasil vai cumpri-las.

Para 8,59%, o prefeito vai cumprir 80% das promessas; 47,47% acreditam que ele cumprirá 50%; apenas 0,76% acreditam que todas serão cumpridas. Outros 39,14% afirmam que nenhuma promessa será cumprida.

Advertisement

A pesquisa

De acordo com o responsável pelo Instituto Solução, Jonas Norbiato, o levantamento segue os mesmos critérios do que já ocorre com as pesquisas eleitorais, onde a avaliação obedece os parâmetros estatísticos com dados fornecidos pelo IBGE.

Foram ouvidas pessoas com idade entre 16 a mais de 65 anos, sendo 195 do sexo feminino e 201 do sexo masculino. A margem de erro é de 4.6 pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%.

 

Advertisement
Publicidade