Esporte Nacional

Borussia Dortmund leva 3 a 0 no 1º tempo, mas reage e busca empate com Paderborn

COMPARTILHE
15
Advertisement
Advertisement

O Borussia Dortmund levou um tremendo susto, nesta sexta-feira, na abertura da 12ª rodada do Campeonato Alemão. Em pleno Signal Iduna Park lotado por 81.365 torcedores, o time foi surpreendido pelo lanterninha da competição ao levar três gols já no primeiro tempo, mas foi buscar o empate por 3 a 3 com o Paderborn ao marcar três na etapa final, sendo o último deles nos acréscimos, aos 47 minutos, quando Marco Reus balançou as redes para salvar a equipe da casa da derrota.

Conselho do Botafogo aprova migração do futebol para o modelo de clube-empresa

O Conselho Deliberativo do Botafogo aprovou, na noite desta quinta-feira, a migração do futebol...

Seleção feminina massacra o México em amistoso na Arena Corinthians

Em preparação para a Olimpíada de 2020, a seleção brasileira feminina venceu o primeiro...

Atlético-MG anuncia lateral-direito Maílton como 1º reforço para 2020

O Atlético Mineiro anunciou nesta quinta-feira o seu primeiro reforço para a temporada 2020....

Foi o primeiro compromisso do Borussia no torneio nacional depois da pausa motivada pelos confrontos entre seleções nas rodadas finais da fase de grupos das Eliminatórias da Eurocopa de 2020. E o resultado pode ser considerado decepcionante para o time comandado pelo técnico Lucien Favre, que era franco favorito a vencer nesta sexta e contava com a conquista de um triunfo. Porém, pelas circunstâncias, o empate foi bastante comemorado pelos seus torcedores. Com a igualdade em 3 a 3, a equipe assumiu provisoriamente a quinta posição do Alemão, com 20 pontos, encabeçando a zona de classificação à Liga Europa.

Já o Paderborn, que ganhou apenas um dos 12 jogos que disputou nesta edição da Bundesliga e já sofreu nove derrotas, passou a contabilizar cinco pontos na última posição, dois atrás do Colônia, o penúltimo colocado, e a quatro de distância do Mainz, 18º e que hoje é primeiro clube dentro da zona de rebaixamento.

Advertisement
Advertisement
Continua depois da publicidade

Embora realize esta péssima campanha, o Paderborn começou o duelo desta sexta-feira surpreendendo com um gol já aos 4 minutos do primeiro tempo, quando o atacante alemão de origem congolesa Streli Mamba abriu o placar ao completar para as redes um cruzamento da direita de Kai Proger em uma rápida jogada de contra-ataque.

E o mesmo Mamba ampliou para 2 a 0 aos 37 minutos, quando foi lançado por Sebastian Vasiliadis nas costas da defesa adversária e finalizou na saída do goleiro Roman Burki para voltar a marcar. O gol silenciou novamente o estádio e, atônito com a surpreendente atuação dos rivais, o time da casa sofreu ainda o terceiro aos 43, desta vez com Gerrit Holtmann balançando as redes após uma assistência de Jamilu Collins.

Ainda na etapa inicial, Lucien Favre fez uma substituição no ataque ao trocar o espanhol Paco Alcácer, que pareceu estar lesionado, por Julian Brandt. E depois voltou com a sua equipe para o segundo tempo já queimando as suas outras duas alterações, sacando Mahmoud Dahoud e Nico Schulz, trocados respectivamente pelo belga Thorgan Hazard e pelo espanhol Achraf Hakimi.

E as mudanças surtiram o efeito desejado rapidamente, pois o meia inglês Jadon Sancho descontou o placar logo aos 2 minutos após receber bom passe de Hakimi. Depois disso, porém, o Borussia passou a sofrer para encontrar o caminho do gol e só foi voltar a marcar de novo aos 39, quando o experiente Mats Hummels cruzou e Axel Witsel cabeceou para as redes.

O gol voltou a animar os torcedores, que empurraram a equipe da casa rumo ao empate por 3 a 3, assegurado apenas nos acréscimos, por meio de uma nova finalização de cabeça que terminou dentro da meta do goleiro Leopold Zingerle. Desta vez, o ídolo Marco Reus recebeu passe de Jadon Sancho e testou para deixar tudo igual.

E a conquista do empate também tem bom peso psicológico para o Borussia, pois na próxima quarta-feira o time terá pela frente o Barcelona, na Espanha, em confronto que valerá a liderança do Grupo F da Liga dos Campeões. O duelo será pela penúltima rodada da chave, da qual o time alemão é o vice-líder, apenas um ponto atrás do Barça.

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement
Publicidade